Você sabe usar o neutro do câmbio automático?

Por BORIS FELDMAN04/08/17 às 16h18

Boris ensina a hora certa de colocar o câmbio automático no neutro.

Boris Feldman

Jornalista e engenheiro com 50 anos de rodagem na imprensa automotiva. Comandou equipes de jornais, televisão e apresenta o programa AutoPapo em emissoras de rádio em todo o país.

Boris Feldman

11 Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
  • Julio 25 de março de 2018

    Sem contar que na Banguela o carro fica instável se se descida for muito forte não é fácil segurar o bichao

  • ismael 11 de março de 2018

    tomem cuidado,deixei vencer e bastante,o óleo de câmbio do meu carro,e me ferrei,gastei R% 3.800,00,não deixe passar de 50.000 km.

  • paulo 10 de março de 2018

    …mas se o seu carro tiver servofreio o pedal vai ficar duro ao freiar

  • paulo 10 de março de 2018

    economizar na banguela ? é só desligar o motor

  • Peterson dias da Silva 17 de fevereiro de 2018

    Na verdade os carros modernos não existe mais isso de deixar na banguela o que pode ocorrer é um grave acidente Pois uma freada você não vai conseguir ter a mesma eficiência com carro engatado.

  • Carlos 17 de fevereiro de 2018

    Procurem pesquisar sobre cut off…

  • Paulo 14 de fevereiro de 2018

    Eu, particularmente, acredito que o carro com injeção eletronica economiza na descida com o carro engatado e não no neutro. O que acontece é que a central eletronica, quando não se pisa no acelerador, tende a manter a rotação do motor (marcha lenta) em torno de 950 a 1000 rpm. Quando se tira o pé do acelerador, como essa rotação normalmente estará maior que esse valor, a injeção simplesmente corta o fornecimento de combustível, por isso a economia..

  • Fortunato Negri 13 de fevereiro de 2018

    Conversa fiada, no Brasil ainda tem muitos carros carburados, mesmo nos injetados, sabemos que é inseguro soltar na banguela, uma coisa eu te digo, que economiza, não tenha dúvida, se vc desacelera um motor, é claro que reduz o consumo. o problema das novas tecnologias , estão aumentando a potencia dos motores simplesmente aumentando a sua rotação, isto é, se vc desacelera ele não tem força para subir ai acaba gastando mais na retomada da rotação. O que eles querem que se mantenha o pé atolado no acelerador, aumentando o desgaste do motor consequentemente o consumo e lógico a troca sempre por um carro mais novo. É bom para a Petrobrás é bom para os fabricantes de autopeças e montadoras.

  • Iron 6 de fevereiro de 2018

    É lenda dizer que carro engatado na descida economiza mais que na “banguela”.
    Carro engatado sempre reduz a velocidade (para a grande maioria das decidas) o que faz necessário acelerar.
    Se desejarem promover um desafio para peovar que banguela é mais econômica, estou à disposição.

    • Rogerio 13 de fevereiro de 2018

      Amigo.
      Para carros com carburador isso de deixar na banguela realmente funcionava muito bem e dava pra economizar um bom combustivel.
      Mas infelizmente para carros com injeção eletronica isso ñ funciona..
      Experiencia propria, tb tinha esse habito da banguela..kkkklk
      Pesquisa ou pergunte a mecanicos experientes e eles vão confirmar pra vc..
      Caso ainda tenha duvidas..
      Abç

    • Robson 13 de fevereiro de 2018

      Concordo meu carro na banguela anda muito sem perder velocidade engrenado ele não percorre nem a metade do trajeto

Deixe um comentário