Corra enquanto há tempo: é papo de frentista!

Saiba quais são as mentiras mais comuns dos frentistas para empurrar serviços desnecessários

Por BORIS FELDMAN06/01/17 às 17h20

Os frentistas dos postos de gasolina geralmente são muito solícitos e corretos. Mas, tem alguns que exageram na criatividade para tentar faturar à custa do cliente. Fazem uso de qualquer argumento para convencê-lo a autorizar um serviço desnecessário. Cuidado para não cair no papo de frentista!

Alguns não têm nenhum constrangimento, ao puxar a vareta para verificar o nível do óleo no cárter, em colocar uma gotinha entre os dedos e afirmar que o lubrificante “está muito escuro”. Ou diagnosticar a perda da viscosidade necessária para lubrificar as partes móveis.

Em resumo, o parecer é de que o óleo está vencido e deve ser trocado para evitar o risco de fundir o motor. Cai na conversa quem não sabe que o óleo fica mesmo escuro depois de trabalhar algumas horas. E que viscosidade só se afere em aparelhos especiais e sofisticados.

Não é incomum que, nos postos de gasolina, os motoristas ouçam "papo de frentista". Saiba quais são as mentiras mais comuns e passe longe da empurroterapia.

Outros oferecem aditivos mirabolantes, só para faturar a comissão prometida pelo dono do posto e “aditivar” seu próprio salário…

Achava que sabia de todos estes artifícios, que já tinha ouvido todo tipo de papo de frentista, até que outro dia me contaram uma que eu quase não acreditei. Um funcionário de posto de gasolina argumentou com o motorista que já estava no momento de trocar o líquido do sistema de refrigeração (água + etilenoglicol).

O dono do carro disse que o líquido tinha sido substituído há poucos meses e que o manual recomendava a troca apenas a cada dois anos. O frentista então insistiu e disse que o líquido estava velho e sem função, o que ele reconhecia facilmente pelo cheiro.

Mas vai ter olfato apurado assim lá na tonga da mironga…

Boris Feldman

Jornalista e engenheiro com 50 anos de rodagem na imprensa automotiva. Comandou equipes de jornais, televisão e apresenta o programa AutoPapo em emissoras de rádio em todo o país.

Boris Feldman

2 Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
  • Mandovi 2 de março de 2018

    Respeite as Leis do trânsito!

    Que leis?

    Uma placa redonda de 60km/h deve ser obedecida:

    ( ) em frente a ela, como se fosse pardal

    ( ) um quarteirão antes e outro depois

    ( ) ate aparecer outra placa de limite maximo de velocidade.

    ( ) ha tolerância de +- 10km

  • Lourine lisboa 2 de março de 2018

    Gasolina ruim,pode acender a luz de injeção?

Deixe um comentário