Usado Top X 0km Básico: Jetta 2012 x Prisma 2018

Por BORIS FELDMAN27/04/18 às 18h01

Comparativo Jetta x Prisma, ambos na faixa de R$ 55 mil

Selecionamos dois carros, um sedã médio topo de linha usado, o Jetta TSI. E o outro e um sedã compacto intermediário: O Prisma 1.4 LT.  Ambos têm muitas qualidades, mas preste atenção nos defeitos na hora de escolher.

Os modelos escolhidos para a disputa foram: JETTA 2.0 TSI HIGHLINE DSG 2012 x PRISMA 1.4 SPE/4 ECO LT 2018

 Prazer ao Dirigir

Jetta 5
Prisma 2

Aqui, não tem como comparar. O Jetta é um carro pra quem gosta de dirigir e seu motor turbo 2.0 TSI de 200 cv garante desempenho esportivo. O ótimo conjunto de direção e suspensão e freios elevam o nível da disputa para outro patamar. O câmbio é o automatizado DSG de seis marchas e duas embreagens, que faz as trocas com rapidez e suavidade.  O carro empurra muito em todas as faixas de giro; é preciso dosar o pé para não ficar colando as costas no banco o tempo todo. Além disso, é um modelo muito “no chão” e, ao mesmo tempo, confortável e silencioso nas irregularidades do piso.

Já no Prisma, você pode colar o pé no fundo e esquecer. Seus 98 cv e cambio manual de 6 marchas fazem um trabalho razoável, mas sem nenhum brilho. Na hora de dirigir, foque apenas no seu destino. É um meio de transporte, não um brinquedo.

jetta traseira
Prazer ao dirigir o Jetta é indiscutível

Segurança

Jetta 5
Prisma 3

O Prisma ganhou 3 estrelas para adultos e 3 estrelas para crianças no crash-test de Latin NCap. Nada mal! Já o Jetta tem 5 estrelas para adultos e 4 para crianças na cadeirinha, segundo o antigo protocolo do instituto. E olha que a versão avaliada foi a de 2 airbags; nessa versão top, ele vem com 6 airbags. Isso sem contar com a eletrônica e os reforços estruturais de uma carroceria bem mais sólida. Você e seus passageiros estarão bem seguros no Jetta, a não ser que você fique inebriado com tanta potência e comece a exagerar na velocidade. Aí, o risco aumenta, e muito!

Jetta crash test 5 estrelas
Jetta 5 estrelas no crash test para adultos e 4 para crianças na cadeirinha

Conforto

Jetta: 5
Prisma: 2

É até covardia fazer essa comparação, mas vamos lá. Não que o Prisma seja um carro desconfortável, mas seu entre-eixos de 4,51 metros faz com que os passageiros do banco de trás fiquem um pouco apertados comparados com os do Jetta, que tem 13 centímetros a mais. Além disso, o Jetta tem o acabamento bem mais caprichado, com direito a painel emborrachado e encaixes perfeitos.

Itens de série do Jetta

O Jetta conta com bancos de couro, ar condicionado digital de 2 zonas, sensor de estacionamento na traseira e na frente, porta-revistas no encosto do banco do passageiro, para-sóis iluminados e com espelhos, luzes de leitura frontais, porta-copos, porta-óculos, porta-garrafas, banco traseiro bipartido, porta-malas com iluminação e rede porta-objetos, comando elétrico dos vidros com um toque, travamento elétrico das portas e porta-malas com controle remoto, abertura interna elétrica do porta-malas, computador de bordo, display de temperatura externa, retrovisor interno noite/dia, sensores de estacionamento dianteiro e traseiro, kit de ferramentas, ar-condicionado Climatronic de duas zonas, descansa-braço central dianteiro com jumbo box, porta-luvas com iluminação, saída de ar-condicionado e chave, rádio RCD 510 Touchscreen e oito alto-falantes, Bluetooth, entrada auxiliar para fonte de áudio externa no console central dianteiro, entrada USB no porta-luvas, protetor de cárter, espelho retrovisor externo aquecido e eletricamente rebatível, aviso sonoro de faróis ligados, sensor de chuva, controle automático de velocidade, bancos dianteiros Sport Comfort com oito ajustes manuais e aquecimento, volante multifuncional com controles do Tiptronic, Coming & Leaving Home, sensor crepuscular, bússula e direção Servotronic.

Itens de série do Prisma

Airbag motorista e passageiro, ar-condicionado, ar quente, direção elétrica, volante com regulagem de altura, travas elétricas, cd/mp3, central multimidia, computador de bordo, vidros elétricos dianteiros, desembaçador traseiro, sensor de ré.

Jetta Painel
Muito luxo e conforto a bordo do Jetta tsi

Porta-malas

Jetta 4
Prisma 4

Este é um item importante para quem vai comprar um sedã. No caso, os dois porta-malas são bastante próximos em termos de capacidade: 510 litros no Jetta e 500 no Prisma. Empate.

empate no porta-malas
No porta-malas do Prisma cabem 500 litros, praticamente o mesmo do Jetta

Consumo

Jetta: 3
Prisma: 5

O motor 2.0 TSI não é beberrão, pelo contrário: é bastante eficiente considerando o seu desempenho esportivo. Mas se você dá um peso grande para a economia, o Prisma ganha de lavada com seu motor 1.4 e 300 kg a menos, segundo os números divulgados pelo Programa de Etiquetagem Veicular do Inmetro:

Consumo Jetta: 9,4 na cidade e 12,5 na estrada (gasolina)
Consumo Prisma: 11,9 na cidade e 14,7 na estrada (gasolina)

motor do Prisma 1.4
Foto Chevrolet | Divulgação

Manutenção, Seguro e Desvalorização

Jetta: 2
Prisma: 4

Manutenção

Aqui o Prisma recupera muito terreno. E pode ser que até assuma a ponta nesta disputa.

O Jetta TSI dessa idade tem alguns problemas crônicos que podem ou não dar as caras, dependendo da sorte do dono.  Um deles é o vazamento de água na carcaça da válvula termostática/bomba de água.  Este defeito vai custar na faixa de R$ 5 mil na concessionária, mas pode ser resolvido por 2.800,00 na oficina consultada, a AC Imports, considerando pecas e mão de obra. Outros problemas relatados são nos bicos injetores, válvula de pressão de ar do motor e bobina.

Para quem não quer ou não pode gastar muito com manutenção, o Prisma é a única opção. Abra mão de todos as vantagens do Jetta e fique feliz por ter um 0km na garantia, que, ao menos em tese, vai demorar a dar despesas.

Seguro

No comparativo Jetta x Prisma, o valor do seguro do segundo vai ser quase a metade. Na média, o seguro do Jetta será de R$ 4100, enquanto o do Prisma é de 2.200.

Desvalorização

Um Jetta ja desvalorizou bastante de 0km até aqui. Agora vai desvalorizar cada vez menos: R$ 3.500,00 em um ano. Já o Prisma por ser 0km tem uma desvalorização maior no primeiro ano:  deve perder R$ 6000,000. Esta desvalorização até que compensa um pouco para o lado do Jetta.

Prisma traseira
O Prisma vai fazer o trabalho pesado e te dar muito pouca despesa

Resultado:

No total de 30 pontos possíveis:

Jetta: 24 pontos
Prisma: 20 pontos

Se você está disposto a gastar mais na manutenção e pode até se arriscar a enfrentar algum eventual problema mais grave, que pode elevar as despesas para a casa dos R$ 5 mil a R$ 10 mil, não tenha dúvidas pelo Jetta, que vai proporcionar muito prazer ao dirigir. É um “brinquedo de gente grande”. Ja o Prisma não tem o brilho do Jetta, mas é um carro cumpridor, que estará na garantia por um bom tempo e resultará em menos despesas. A escolha é sua. A maioria parece preferir o Prisma, a julgar pelo volume de vendas de um e de outro.

Jetta 2.0 tsi
O Jetta quase não mudou de 2012 até 2017. O design é sóbrio, meio tiozão, mas agrada.

Compare as fichas técnicas

Compare as fichas técnicas do Jetta x Prisma x Corolla

Boris Feldman

Jornalista e engenheiro com 50 anos de rodagem na imprensa automotiva. Comandou equipes de jornais, televisão e apresenta o programa AutoPapo em emissoras de rádio em todo o país.

Boris Feldman

1 Comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
  • Eron 11 de setembro de 2018

    auahauauahuahuaha, muito engraçada essa comparação.

Deixe um comentário