Para enfrentar o frio de maneira improvisada

O ideal são roupas adequadas, mas nem sempre é possível. Veja uma dica simples para não congelar.

Por Teo Mascarenhas12/07/17 às 09h01

O tempo, em meados do ano, começa a virar, esfriando e exige roupas apropriadas para quem fica muito tempo em cima de uma motocicleta. Estático, o piloto movimenta apenas quando necessário e o vento frio castiga as partes não protegidas, aumentando o desconforto e o incômodo térmico. O ideal é usar um casaco próprio, com proteção até no pescoço, capacete fechado, luvas e botas. Porém, nem sempre é possível andar com toda a parafernália…

Se precisar trafegar no frio, principalmente à noite, ou se for pego de surpresa e não contar com as vestimentas apropriadas, alguns macetes podem “quebrar o galho” até o destino. Utilize um simples jornal para forrar internamente o peito e a parte frontal das canelas. São eficientes isolantes térmicos, barrando o vento e conservando o calor do corpo. Para evitar a canalização do vento pela manga da camisa ou do casaco, amarre os punhos, com barbante, elástico, etc, prendendo firmemente para não soltar.

riding a motorcycle around a bend in the fog

Teo Mascarenhas

Especialista na cobertura do mercado de motocicletas e competições com mais de 30 anos de experiência.

Teo Mascarenhas

0 Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Deixe um comentário