Chevrolet Cruze Sport6 pronto para a disputa

Por Daniel Camargos 16/12/16 às 12h34

A Chevrolet apresentou, em São Paulo, a segunda geração do Cruze hatch, chamado de Cruze Sport6, que começa a ser vendido nas últimas semanas deste ano. A versão de entrada, LT, custa R$ 89.990. A LTZ R$ 101.190 e a LTZ+ R$ 110.990. Os concorrentes diretos são: Ford Focus, Volkswagen Golf e Peugeot 308.

O hatch, produzido na Argentina, tem o mesmo entre-eixos do sedã (2,70m) e o motor é o 1.4 turbo que rende 153cv (com álcool). O consumo verificado pelo Inmetro chega a 13,6 km/l com gasolina na estrada e 11,3 km/l na cidade. Quando abastecido com álcool o consumo é de 7,6 km/l (cidade) e 9,3 km/l (estrada).

Chevrolet Cruze Sport6 2016

A engenharia da empresa adotou a mesma tática que usou em outros lançamentos deste ano, como Onix e Prisma, de reduzir o peso do carro, com adoção de materiais mais leves, com o objetivo de reduzir o consumo. O Cruze hatch está 114kg mais enxuto quando comparado a versão anterior.

A versão de entrada tem vários equipamentos de série, como controle eletrônico de tração e estabilidade, freios ABS com frenagem de emergência, direção elétrica, controle de velocidade, airbags e laterais os frontais (que são obrigatórios), cintos de três pontos em todos os assentos, Isofix, assistente de partida em rampa, monitoramento da pressão dos pneus, câmera de ré, sensor de estacionamento traseiro, áudio de alta definição e sistema MyLink. A mais completa, a LTZ1, tem outros mimos, como teto solar, abertura de porto com sensores de aproximação e itens de segurança, como airbags de cortina.

A reportagem do AutoPapo dirigiu o Cruze hatch por cerca 60 quilômetros em rodovias de São Paulo. Destaque para a precisa direção com assistência elétrica e o motor suave, mesmo em rotações elevadas. A transmissão automática de seis velocidades peca por não ter opção de troca das borboletas atrás do volante, o que era esperado de um carro que usa a palavra Sport no nome. O espaço interno é ótimo, pois o hatch tem o mesmo entre-eixos do sedã.

Foto Chevrolet | Divulgação

A Chevrolet também divulgou os preços da mensalidade do OnStar. O plano mais barato, o Safe custa R$ 50; o intermediário, Protect, sai por R$ 65 e o completo, Exclusive, R$ 80.

São três planos mensais. O Safe, que custa R$ 50 oferece assistência de recuperação veicular; sensores para prevenir furto; diagnóstico remoto e avançado; opção de travar e destravar portas, luzes e buzinas; alertas de segurança como valet, velocidade e movimento e o rastreamento, chamado de siga-me e localize-me.

O plano intermediário, o Protect, custa R$65 por mês e tem todos os serviços do Safe mais: chamadas de emergência pelo aplicativo iOS e botão SOS no veículo, monitoramento em rota, resposta automática a acidentes e socorro mecânico e elétrico

O mais completo, o Exclusive, tem mensalidade de R$ 80 e tem tudo dos anteriores mais: Navegação por setas, navegação integrada,informações sobre pontos de interesse e serviço de Concierge.

Avalie o conteúdo:
PéssimoRuimRegularBomExcelente (Seja o primeiro a avaliar)
loadingLoading...
Clique na estrela para avaliar.
0 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Deixe um comentário