Deixa que o volante é meu

Audi apresenta nova geração do A8, que se tornou veículo autônomo de nível três capaz de assumir a direção em ciclo urbano automaticamente

Por AutoPapo 11/07/17 às 19h18

Ele já havia dado o ar da graça inúmeras vezes – inclusive no hit da Marvel Studios Homem-Aranha: De volta ao lar – mas foi apresentado oficialmente em Barcelona. A Audi aproveitou evento da marca para revelar ao mundo, em detalhes, a nova geração do A8. O sedã topo de linha chega ao mercado alemão no fim de 2017 e deve aportar no Brasil no segundo semestre de 2018.

Nesta nova encarnação o A8 se tornou veículo autônomo de nível três, capaz de assumir a direção em ciclo urbano automaticamente quando o trânsito está lento (até 60 km/h). Alertas sonoros e visuais alertam ao condutor acerca do momento de se retomar o controle. Desta forma a Audi leva ao mercado o primeiro automóvel de produção com capacidade para tal.

Static photo↵Colour: Volcano Red

A partir do ano que vem a montadora incluirá, de maneira gradativa, assistente de estacionamento, assistente de garagem e o assistente de trânsito. Além disso, o sedã de luxo conta com tração integral elétrica e suspensão que consegue reconhecer a aproximação de buracos e outras imperfeições na pista.

O novo Audi A8 conta com duas opções de motorização turbo V6: 3.0 TDI, que gera 286 cv de potência, e 3.0 TFSI de 340 cv. No entanto, virão em breve dois propulsores de oito cilindros. O primeiro é um 4.0 TDI de 435 cv de potência e o segundo é um 4.0 TFSI de 460 cv. O A8 L, versão com maior distância entre-eixos (13 cm a mais), contará com motor W12 6.0 de 585 cv. Para completar, a marca também confirmou as vendas de configuração e-tron, empurrado por conjunto híbrido que gera 449 cv de potência 71,3 kgfm de torque. A bateria de íon de lítio tem autonomia de cerca de 50 quilômetros e pode ser carregada pelo sistema Audi Wireless Charging.

Static photo↵Colour: Volcano Red

Visual

A dianteira do novo A8 conta com grade hexagonal mais alongada e vertical. Os faróis dianteiros HD Matrix LED estão mais afilados e convergem para grade e para os vincos do capô. As luzes traseiras OLED produzem efeitos luminosos distintos conforme a distância do condutor para o veículo.  A carroceria é bem fluida e exala elegância sem deixar de lado a esportividade.

No interior são inúmeros detalhes personalizados – como as perfurações nos estofamentos, por exemplo – e vários comandos sensíveis ao toque. Além disso, um ocupante do banco traseiro conta com massageador para pés. É mole? O assento para relaxamento é opcional no A8 L e tem quatro opções de ajuste. Quem está atrás também pode controlar a iluminação ambiente, as luzes de leitura, fazer ligações por meio de unidade operacional separada. Ainda contam com controle remoto com tela OLED removível, que fica no apoio de braço central.

Cockpit
Avalie o conteúdo:
Clique na estrela para avaliar.
0 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Deixe um comentário