FCA promete 15 lançamentos da Fiat e 10 das marcas Jeep e RAM

A primeira das 25 novidades prometidas é a versão aventureira Argo, prevista para 2019; a lista inclui também uma nova geração do Uno e duas picapes

Por AutoPapo 26/06/18 às 10h05

Já tínhamos divulgado, aqui no Autopapo, que a Fiat Chrysler Automóveis anunciou grandes mudanças para os próximos quatro anos. Agora, a FCA promete o lançamento de 25 novos produtos no Brasil até 2022, sendo 15 da Fiat e 10 da Jeep e RAM, incluindo novos modelos e reestilizações de alguns dos atuais.

O presidente da empresa, Antonio Filosa, prevê, para o período, um crescimento de vendas do grupo das atuais 700 mil para 1 milhão de unidades em 2022. Ele destacou o crescimento da marca Fiat, no varejo, nos últimos três meses, voltando a ocupar a segunda posição no mercado brasileiro e a retomada da liderança a curto prazo. A marca Jeep já é líder no mercado de SUVs.

Entre os lançamentos do grupo, a Fiat terá três UVs (veículos utilitários, de tração simples), um compacto, de entrada, um segundo do tamanho do Renegade e um terceiro “familiar” para sete ocupantes.

A Jeep terá um SUV (tração nas quatro rodas) do tipo Premium. Uma nova picape com capacidade de 1.000 kg (metric ton) será a novidade da marca RAM, que terá também picapes compactas (como a Strada) e intermediárias (Toro). Filosa disse ainda não ter decidido se a marca RAM terá rede própria de concessionários ou vai se integrar a uma das redes atuais (Fiat e Jeep) do grupo.

Segundo nossos parceiros do Autos Segredos, a primeira das 25 novidades anunciadas é a versão aventureira do Fiat Argo, prevista para 2019. Porém, na lista, a FCA promete também uma nova geração do Uno e pelo menos duas picapes: uma compacta, baseada no Mobi, e outra para substituir a Strada.

O investimento total da FCA, de 45 bilhões de euros, foi anunciado no início do mês por Sergio Marchionne em Turim e, deles, 9 bilhões destinados para a eletrificação e hibridização de todos os modelos. Marchionne afirmou, ainda, que “brevemente todos os Jeeps serão elétricos”.

Os investimentos no Brasil serão de R$ 14 bilhões e incluem novos produtos, motores e conectividade.

A família de motores Firefly será turbinada e a aplicação de câmbios automáticos aumentada. Filosa não confirmou, mas a caixa automatizada (Dualogic/GSR) deverá será extinta.

Foram anunciados, para a imprensa, os planos das Marcas Fiat, Jeep e Ram para os próximos quatro anos. FCA promete 25 lançamentos e mudanças nos motores.
Foto Fiat | Divulgação

O que o presidente declarou foi que, apesar das alternativas de eletrificação, aposta no etanol como tendência para o Brasil. Não somente como combustível para os motores a combustão dos híbridos, mas no uso do etanol nos carros a fuel-cell. Parte dos investimentos da FCA no Brasil depende das definições da Rota 2030 (plano do governo que já deveria ter substituído o Inovar Auto).

Avalie o conteúdo:
PéssimoRuimRegularBomExcelente (Seja o primeiro a avaliar)
loadingLoading...
Clique na estrela para avaliar.
2 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
  • Avatar
    José Eliezer 5 de agosto de 2018

    Gostaria muito de possuir um Jeep comprass nas cores amarelo e preto.

  • Avatar
    Otávio moreira 26 de junho de 2018

    Um coupe, um esportivo ou simplesmente um carro divertido não vai constar nesta relação? Poderiam trazer o Fiat 124 da Argentina.

Avatar
Deixe um comentário