Kia inaugura fábrica no México que produzirá modelos para o Brasil

Cerato reestilizado, Rio e utilitário inédito serão montados na unidade e virão para o mercado nacional

Por AutoPapo12/09/16 às 18h50

A Kia inaugurou, na quinta-feira, 8, nova fábrica no México. Localizada na cidade de Pesquería, a planta foi resultado de um investimento de 3 bilhões de dólares e levou quase dois anos para ser concluída. A nova instalação promete o aumento da produção anual da montadora sul-coreana e trará novos modelos para o mercado brasileiro.

(Kia/Divulgação)

“A nova fábrica aqui no México representa o próximo passo da Kia Motors para se tornar uma das fabricantes de automóveis mais importantes do mundo”, revelou o presidente da Hyundai Motor Group, Mong-Koo Chung, durante a inauguração.

A fábrica já está em atividade desde a metade do ano com a produção do Cerato. Para o ano que vem, a coreana planeja a montagem da nova geração do Rio, que será apresentada oficialmente no Salão de Paris, em setembro.

(Kia/Divulgação)

O hatchback é produzido pela Kia desde 2000, mas nunca deu as caras por aqui. Já o três volumes é comercializado no país desde 2006 e vendeu 1.878 unidades no ano passado. O Cerato reestilizado tem lançamento no mercado nacional previsto para setembro.

Além desses modelos, a fábrica de Pesquería também deve produzir um SUV compacto, ainda em desenvolvimento, baseado no KX3. A expectativa é que o utilitário chegue às lojas em 2018.

A capacidade de produção da planta é de 400 mil veículos por ano, número que deve ajudar a bancar a meta da montadora, que pretende conquistar 5% do mercado mundial até 2020. Atualmente, a fábrica opera com apenas um dos três turnos de produção que suporta, entregando 100 mil carros por ano; ou seja, uma unidade a cada 53 segundos. 80% da produção será exportada para outros países da América Latina e também para os Estados Unidos.

(Kia/Divulgação)

A instalação é altamente automatizada e conta com funcionários especializados, que recebem 15 dias de treinamento antes de assumir postos na linha de produção. À medida em que novos turnos forem ativados, novas vagas de trabalho serão ofertadas, com uma expectativa de 14 mil postos em 2017.


VEÍCULOS RELACIONADOS

Veja mais sobre:


0 Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Deixe um comentário