Airbag tem validade ou dura até ser usado?

Por BORIS FELDMAN16/05/18 às 21h30

Os airbags têm prazo de validade, mesmo que não tenham sidos abertos em algum acidente ou por algum problema de mal funcionamento? Eles podem durar por alguns anos… mas, por quanto tempo?

[TRANSCRIÇÃO]

Airbags devem ser substituídos de tempos em tempos? Eles expiram, perdem a validade? Essa é uma questão interessante, mas, em princípio, não se verificou nenhum problema, mesmo naqueles instalados inicialmente há mais de 30 anos. Existem casos de airbags em automóveis fabricados há mais de 20 anos que se acidentaram e os airbags se inflaram normalmente. Essas bolsas infláveis ficam muito bem acomodadas, inclusive protegidas com um talco, que se joga em volta delas. Entidades de segurança rodoviária nos Estados Unidos tiveram a curiosidade de visitar um ferro velho para procurar airbags em automóveis abandonados há mais de 20 ou 30 anos. E verificaram que elas ainda estava em condições de funcionamento.

O que deve ser revisado no airbag é a parte eletrônica, se os sensores que percebe se eles devem ser acionados estão em ordem, se o sistema eletrônico que dispara o airbag está funcionando. E, cabe ao motorista verificar se a luz de alerta no painel está em funcionamento, ou seja, quando ele liga a chave, a luz de alerta do airbag tem que acender e logo depois se apagar. Se ela não se acende é problema. Por outro lado, se ela se acender, mas não se apaga, é também problema. Em qualquer um dos dois casos o automóvel deve ser levado à concessionária para a correção do defeito. Não adianta o automóvel ter airbags se eles não funcionarem corretamente no momento de um acidente.

Os airbags têm prazo de validade

Boris Feldman

Jornalista e engenheiro com 50 anos de rodagem na imprensa automotiva. Comandou equipes de jornais, televisão e apresenta o programa AutoPapo em emissoras de rádio em todo o país.

Boris Feldman

0 Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Deixe um comentário