Chevrolet Montana 2017 aposta em economia

Picape fica mais eficiente com atualizado motor 1.4 e alterações nos freios e na aerodinâmica

Por AutoPapo24/08/16 às 17h55

A linha 2017 da Montana acaba de ser lançada com algumas novidades – incluindo a adoção do sistema ECO, visando maior economia de combustível, presente em Onix, Prisma, Cobalt e Spin. A picape será comercializada em duas versões: a de entrada LS e a Sport.

(Chevrolet/Divulgação)

A grande vedete da linha 2017 da picape é o atualizado motor 1.4. O propulsor conta com novos pistões e bielas, alternador de alto rendimento, sistema de arrefecimento com ventilador de menor atrito e a utilização de óleo de baixa viscosidade (0W20).No entanto, o bloco continua a gerar os mesmos 99 cv de potência e 13 kgfm de torque (com etanol).

De acordo com aferições do Inmetro, a Montana faz 13,4 km/l na estrada e 11,7 km/l na cidade quando abastecida com gasolina. Com etanol, 9,2 km/l e 7,9 km/l, respectivamente. Os números renderam ao modelo nota A no Programa Brasileiro de Etiquetagem.

Outras novidades que contribuem para a otimização da eficiência são os freios de baixo arrasto, novos rolamentos, pneus verdes e indicador de mudança de marcha no painel. A direção hidráulica é de série nas duas versões e, na LS, rodas aro de 15” também estão inclusas. Além das alterações mecânicas, a Montana 2017 passa a contar em todas as versões com capota marítima e peças aerodinâmicas sob o assoalho para reduzir a resistência ao vento, o que ajuda também a diminuir os ruídos internos.

A picape tem capacidade de carga de 756kg na caçamba, ou 1.100 litros de volume. Na linha 2017, as novas cores Vermelho Pull Me Over (sólida) e Preto Ouro Negro (metálica) se juntam ao Branco Summit (sólida), Cinza Grafite e Prata Switchblade (metálicas) que já estavam disponíveis.

0 Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Deixe um comentário