8 carros nacionais colecionáveis (e ainda com preços razoáveis)

Separamos alguns modelos icônicos da indústria brasileira com “potencial colecionável” e com preços ainda decentes

Por Fernando Miragaya14/07/19 às 10h00
Especial para o AutoPapo

7. Fiat 147

fiat 147 alcool
Anos 1981 e 1982
Preços de R$ 10 mil a R$ 17 mil
Versões legais Racing e Top
Atenção câmbio

A Fiat acaba de fazer um barulho pelos 40 anos de lançamento do então Cachacinha, apelido que o 147 ganhou por ser o primeiro carro movido a álcool fabricado no mundo. Baseado no italiano 127, o Fiat 147 era revolucionário para a época, por isso está entre os carros nacionais colecionáveis.

Foi pioneiro entre os modelos nacionais a usar motor transversal. A suspensão independente nas quatro rodas  compensa no comportamento dinâmico, uma vez que é um carro leve (menos de 800 kg) e usa pneus aro 13”.

No habitáculo, destaque para a ergonomia, com muitos comandos no painel, apesar do volante não ser 100% centralizado em relação ao banco. O drama do caixotinho estava na transmissão manual de quatro marchas. Para quem quer fazer musculação, é uma maravilha: os engates são duros e pouco precisos – e não se envergonhe se você for testar um e arranhar as primeiras mudanças.

Já o motor 1.3 Fiasa quando projetado para o álcool gera 62 cv, 1 cv a mais que a versão a gasolina, o suficiente para mover o compacto.

Boris dirigiu um dos primeiros Fiat 147 a álcool. Veja o vídeo!

Avalie o conteúdo:
PéssimoRuimRegularBomExcelente (26 votos, média: 4,62 de 5)
Loading...
Clique na estrela para avaliar.
3 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
  • Avatar
    Carlos Pala 16 de julho de 2019

    Somente uma correcao: o motor 2.3 OHC do Maverick nao era o mesmo da Rural. O da Rural era o 6 cilindros em linha que, segundo a epoca, andava como um 4 cilindros e bebia como o V8.

  • Avatar
    Celso Navarro 15 de julho de 2019

    Ha muito ( desde 1971) sou fã incondicional da linha Opala, o primeiro foi um 2500 Especial verde sevilha 4 portas, depois vieram as divertidas Caravans, e tenhoi duas, 87 seis canecos com meu filho e 89 4 canecos comportada SLE, e segundo minhas informação foram produzidas 200 e poucas, pode me confirmar essa informação. Forte abraço

  • Avatar
    jose 15 de julho de 2019

    Eu tenho um Kwid. E um Chevette. Com este vou e volto pro trabalho, 20km por dia. Vou ao mercado. Não me deixa na mao. Custo benefício sensacional. Não pago mais IPVA, só o DPVAT. Nem está com aquela aparência de impecável, mas não vendo. O RJ é uma estrada de buracos com algum asfalto. As peças de suspensão são baratas. Alinhamento custa 50.

Avatar
Deixe um comentário