[Vídeo] Honda WR-V: a ofensiva “CrossFit”?

Assista ao vídeo para saber se o modelo tem ou não espírito aventureiro

Por AutoPapo09/10/17 às 14h42

Antes de se chegar a conclusões precipitadas, é bom frisar: o WR-V não é uma nova encarnação do Fit Twist. Neste projeto, o trabalho da engenharia da Honda demandou mais tempo, para (tentar) transformar o Fit num SUV compacto. A suspensão foi reforçada, com travessas, buchas e amortecedores mais resistentes e barra estabilizadora mais espessa na dianteira. Na traseira, o eixo de torção do HR-V, mais rígido, foi aproveitado. Com isso, o veículo ostenta 19,9 cm de altura com relação ao solo – contra 14,5 cm do monovolume.

A distância entre-eixos também aumentou. São 2,53 m, ganho de 2,5 cm na comparação com o monovolume. O fermento ainda alimentou outras dimensões. O WR-V tem 7 cm e 4 cm a mais de altura e largura que o Fit. O comprimento não sofreu alteração, são os mesmos 4 m do monovolume sem ter consumido Biotônico Fontoura. A capacidade do porta-malas também é a mesma: 363 litros. Para completar, a posição de dirigir passa ao condutor altivez digna de crossover e a direção retrabalhada ficou mais direta, facilitando a vida do motorista.

Quer saber o que o Sérgio Melo achou do modelo? Confira no vídeo:

Veja os concorrentes do WR-V?

WR-V

1 Comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
  • Aluisio Martinez 9 de outubro de 2017

    É questionável este ranking de vendas de veículos. Discordo que o WR-V tenha vendido mais que o KICKS.

Deixe um comentário