Mercedes lança AMG GT de quatro portas em Genebra

O esportivo alemão ganhou mais uma fileira de assentos

Por AutoPapo06/03/18 às 16h14

A Mercedes está apresentando, nesta quarta-feira (6), no Salão de Genebra, o novo AMG GT de quatro portas. O modelo da divisão esportiva da alemã foi lançado em 2015 com desenvolvimento independente por parte da preparadora e se transformou, agora, no primeiro veículo de quatro portas da AMG.

mercedes amg gt de quatro portas 4 portas salão de genebra 2018
(Mercedes-AMG/Divulgação)

O design é bastante similar ao do AMG GT de duas portas, exibindo o já conhecido capô baixo e comprido, uma dianteira expressiva e carroceria com formas musculares que destacam a proposta esportiva do modelo e da marca como um todo.

A proposta da preparadora alemã, segundo a própria, é de aliar a performance que a define com à categoria de veículos melhor adaptados para o dia-a-dia do que os esportivos de duas portas. Assim, em sequência ao GT Coupé de quatro portas, virão irmãos igualmente práticos. “Ele vai atrair novos clientes para a Mercedes-AMG”, comenta o CEO da divisão, Tobias Moers.

Além disso, sabe-se que a novidade também servirá para roubar um pouco do mercado da Porsche, que lançou seu cupê esportivo de quatro portas, Panamera, em 2010. O AMG GT foi desenvolvido independentemente pela preparadora AMG, divisão da Mercedes, à maneira do consagrado SLS e dá origem, agora, ao primeiro modelo de quatro portas do selo. Na linha Mercedes, ele irá substituir o CLS 63.

Por fora, acompanhando as linhas familiares da família, o AMG GT de quatro portas conta com um parabrisa reto e bastante inclinado, janelas laterais sem molduras e a dianteira “Shark Nose” (nariz de tubarão, em tradução direta). Por dentro, entretanto, há uma nova fila de assentos. A adição no tamanho, entretanto, foi assimilada pelo design do GT, e é fácil reconhecê-lo como parte da gama.

Na traseira, repetem-se as lanternas de LED afiladas e os contornos dos paralamas foram enfatizados. Também está presente o aerofólio extensível, que é acionado quando o veículo é ligado.

AMG GT de quatro portas tem duas opções de motor

Entre as opções de motor está o 63 S 4MATIC+, um 4.0l V8 biturbo de 6 cilindros movido a gasolina, que entrega de 648 cv de potência e coloca o cupê “domesticado” a até 315 km/h. O torque máximo é de 92 kgfm, e na motorização topo-de-linha o novo AMG GT alcança os 100km/h em 3.2 segundos.

Outra opção de motorização é o 53 4MATIC+, um 3.0l V6 de 441 cv de potência e 53 kgfm de torque disponível entre 1800 e 5800 rotações. Com ele, são 4.5 segundos para o cupê alcançar 100km/h, podendo chegar a 285km/h. Aqui, a AMG também incluiu um motor elétrico paralelo, criado através de uma combinação do motor de arranque e alternador, capaz de gerar 22 cv de potência e 25 kgfm de torque que oferece o efeito EQ Boost, oferecendo força extra em determinados momentos.

A transmissão, em ambas as configurações, é a automática de dupla embreagem Speedshift de nove velocidades desenvolvida pela AMG.


VEÍCULOS RELACIONADOS

Veja mais sobre:


0 Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Deixe um comentário