Sim, a gasolina aumentou novamente

Combustível teve aumento acumulado de 2,7% em dezembro; diesel também passa por novo reajuste. Os combustíveis seguem batendo recorde de preço

Por AutoPapo21/12/17 às 18h00

A Petrobras anunciou, ontem(21), novo reajuste no preço da gasolina e do diesel. As mudanças já entram em vigor hoje. A alta será de 1,1% e 1,4%, respectivamente. A estatal já havia anunciado aumento de 1,4% para a gasolina e 0,7% para o diesel. Flutuações são parte da nova política de preços, em vigor desde julho. O acumulado do mês já chega a 2,7%.

Calculadora álcool x gasolina



       

   




Em geral a melhor opção é:

bombas de compustível aumento dos preços preço da gasolina

Desde o começo do mês de dezembro a gasolina já sofreu 15 reajustes, entre altas e baixas. O total revela aumento de 2,7% no preço do combustível. Já o diesel sofreu queda de 3% no acumulado de dezembro, tendo passado por 16 reajustes. Os novos preços incidem sobre as refinarias, ficando a cargo dos postos de combustível o repasse para o consumidor.

No mês passado, o preço da gasolina teve alta acumulada de 4,6%, enquanto o do diesel aumentou 2,6%. Foram 19 reajustes.

Em decisão anunciada em outubro do ano passado, a Petrobras delegou a função de regulação de preços para sua área técnica de marketing e comercialização. O objetivo, segundo a empresa, é acelerar o processo de reajustes para acompanhar a atual volatilidade das taxas de câmbio e cotação do petróleo no mercado internacional.

A área técnica da Petrobras, no entanto, não determina reajustes superiores a 7% de aumento; ou redução. A partir deste limite, a medida fica a cargo do Grupo Executivo de Mercado e Preços (GEMP).

Aumentos de julho também custaram aos brasileiros

Preço do combustível também passou por alteração significativa em julho, quando um decreto determinou aumento das alíquotas PIS e COFINS. As tributações sobre combustíveis incidem sobre o litro por meio de um valor fixo. Desde então, as cobranças passaram a ser de R$ 0,7925 para gasolina, R$ 0,1964 para álcool e R$ 0,4615 para diesel. Os tributos originais eram de R$ 0,3816, zero e R$ 0,248, na mesma ordem.

Assim, o governo federal dobrou as alíquotas de PIS e Cofins da gasolina e elevou em 86% a do diesel. No etanol, a alta chegou a R$ 0,1964. As alíquotas, até então, não eram cobradas sobre o etanol.

Calculadora Álcool x Gasolina

1 Comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
  • Antônio Carlos 22 de dezembro de 2017

    Acho muita safadeza , até pra um governo corrupto como este já é demais . A única saída para nós é a opção do carro elétrico . Não tem mais jeito o Brasil está caminhando para o fim .

Deixe um comentário