Volkswagen Tiguan

A espera do mexicano

Por AutoPapo03/04/16 às 15h10

Quem olha para o Tiguan, observa suas curvas, o desenho conservador e um jeitão de automóvel sueco para norte-americano dirigir, dificilmente pensaria que o nome é uma mistura de tigre com iguana. Pois pode acreditar. Apesar das aparências, o utilitário esportivo da Volkswagen sugere todo esse hibridismo do reino animal.

O Volkswagen Tiguan saiu de linha no primeiro semestre de 2017 para dar lugar à nova geração

Lançado no Brasil no primeiro semestre de 2009, o veículo é produzido na fábrica da Volkswagen de Wolfsburg, na Alemanha, mas a partir do ano que vem a VW importará para o mercado nacional a nova geração, fabricado na planta de Puebla, no México. Enquanto o mexicano não vem, a VW comercializa uma única versão, a 2.0 TSi, como motor que rende 200cv e equipado com câmbio automático de seis velocidades.

O nível de equipamentos de série é bom. Tem controle e estabilidade em qualquer terreno, controle de fadiga e tração nas quatro rodas. Há ainda opção pelo sistema Park Assist II, que auxilia o motorista a estacionar em vagas paralelas e em 90°. Quando o condutor encontra um lugar para parar junto à calçada, ele só precisa acionar o botão de comando do sistema, localizado no console central, antes de passar pela vaga. Um sensor posicionado na lateral do para-choques dianteiro verifica se o espaço é suficiente para o tamanho do carro, enquanto o motorista posiciona o carro à frente, para iniciar a manobra. O espaço disponível é mostrado no display do quadro de instrumentos. Se a vaga tiver dimensões adequadas, basta acionar a ré e tirar as mãos do volante.

0 Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Deixe um comentário