Ar-condicionado no máximo consome mais?

Sim, ar-condicionado no máximo aumenta o consumo de combustível! Entenda o motivo.

Por BORIS FELDMAN29/03/18 às 11h07

Sim, ar-condicionado no máximo aumenta o consumo de combustível.

Entenda o motivo:

[TRANSCRIÇÃO]

A pergunta do nosso ouvinte é: “se eu deixar o ar-condicionado do carro sempre no máximo”, que eu entendi na temperatura mínima, “vai haver um aumento de consumo?”. E a resposta é positiva, porque, como dizem os economistas não tem almoço de graça: quanto maior o conforto, maior o pagamento.

Quanto mais frio o interior do carro, mais o ar-condicionado vai ter que trabalhar, para isso o seu compressor vai ficar ligado no máximo direto. E de onde o compressor tira energia? Do motor. Então quanto mais o compressor trabalha, mais energia ele exige do motor, e, para isso, maior o consumo de combustível.

A melhor temperatura para se regular o ar é entre 22ºC e 23ºC, mantendo-se o clima agradável, sem exigir excessivamente do compressor e também sem provocar um exagerado consumo de combustível.

ar-condicionado no máximo consome mais

Boris Feldman

Jornalista e engenheiro com 50 anos de rodagem na imprensa automotiva. Comandou equipes de jornais, televisão e apresenta o programa AutoPapo em emissoras de rádio em todo o país.

Boris Feldman

2 Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
  • Silvio 18 de fevereiro de 2018

    Infelizmente a maioria dos veículos rodando no Brasil é ON/OFF. E o ajuste é feito com ar quente para contrabalancear. Falta inteligência no Brasil ou estamos acostumados a ter somente lixo?

  • Marcelo Lapa 2 de fevereiro de 2018

    Isso só vale para os carros com o sistema automático, nos convencionais o compressor permanece ligado o tempo todo, o que varia é a regulagem da velocidade da ventilação, que não consome mais combustível por utilizar energua elétrica e não a mecânica como no compressor.

Deixe um comentário