Cobalt não aguenta sucesso do Onix Plus e sai de linha

O Cobalt teve vida garantida pela Chevrolet no mercado brasileiro mesmo com a chegada do Onix Plus. Mas, na verdade, a história foi outra...

Por Boris Feldman10/03/20 às 08h30

Eu me lembro quando, no ano passado, a GM lançou o novo Onix. E tanto o hatch como o sedã, que se chamava Prisma e agora é o Onix Plus, ganharam em comprimento, largura, porta-malas, entre-eixos e espaço interno. E então comentei que o Onix Plus passou a ter quase as mesmas dimensões do Chevrolet Cobalt.

E a conclusão lógica era de que o Cobalt estava ‘subindo no telhado’, pois definitivamente não tinha espaço no mercado para os dois sedãs, Cobalt e Onix Plus. A GM fez o que todas as montadoras fazem: negou, disse que o Cobalt teria um nicho, seria vendido para frotistas, taxistas.

Até que anunciou o fim de sua comercialização na Argentina, e agora que está ‘caindo definitivamente do telhado’. Ou seja, interrompeu a produção e comercialização do Chevrolet Cobalt também no mercado brasileiro.

Traseira do Chevrolet Cobalt azul na estrada
Chevrolet Cobalt saiu de linha no Brasil (Foto Chevrolet | Divulgação)
Boris Feldman

Jornalista e engenheiro com 50 anos de rodagem na imprensa automotiva. Comandou equipes de jornais, televisão e apresenta o programa AutoPapo em emissoras de rádio em todo o país.

Boris Feldman
0 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Deixe um comentário