Vai ligar o carro? Então, pise na embreagem!

Uma atitude simples pode colaborar para prolongar a vida útil da bateria e do motor de arranque do seu automóvel

Por BORIS FELDMAN25/06/18 às 19h30

Um bom hábito que todo motorista de carro manual deveria ter na hora de dar a partida é pisar na embreagem. Sabe porquê?

[TRANSCRIÇÃO]

Quem tem automóvel com câmbio automático sabe que nem adianta tentar ligar o motor se alavanca não estiver no P, de parking, ou N, de neutro, para se evitar de ligar o motor com o câmbio engatado, porque o automóvel poderia dar um salto para frente ou para trás, o que poderia provocar, como já provocou, acidentes. Além disso, alguns automóveis importados com câmbio manual também exigem do motorista pisar na embreagem para que ele possa acionar o motor, com o mesmo propósito de evitar que ao ligar o motor, se o câmbio estiver engatado, o automóvel dê um pulo e provoque um acidente.

Esse bloqueio do motor de arranque, caso o carro esteja com o caminho engatado, é lei nos Estados Unidos. Mas, além do aspecto da segurança obrigar o motorista a pisar na embreagem ao dar no arranque, tem outra vantagem:  desacoplar completamente o motor do câmbio, reduzindo o esforço da bateria e do motor de arranque.

pisar na embreagem

Boris Feldman

Jornalista e engenheiro com 50 anos de rodagem na imprensa automotiva. Comandou equipes de jornais, televisão e apresenta o programa AutoPapo em emissoras de rádio em todo o país.

Boris Feldman

16 Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
  • Joelson Oliveira De lima 27 de junho de 2018

    A anos faço isso só ligar o carro com o pé no fundo da embreagem e nunca tive problemas com o motor nem com a embreagem e a bateria acabou com o tempo dela

  • Robson 26 de junho de 2018

    O que faz a lubrificação da parte superior do motor é a bomba de óleo,,,não tem nada a ver ,,,,tu é burro é,,,,???

  • Raul 26 de junho de 2018

    Amigos não se preocupem os bons mecânicos estão aí para corrigirem os defeitos x ou y ,é isso aí.

  • Aoh 26 de junho de 2018

    Que blabla pra ganhar clicks no site. Nada haver. Pura bobagem. Quem conhece na prática sabe. Manés, vão seguindo essa dica idiota e desgastando sem motivo sua embreagem. Carro com câmbio mecânico que não exige acionar o pedal de embreagem ao dar a partida, somente colocar em neutro e dar a partida. PQP. Bestas

  • Andre 26 de junho de 2018

    Não há desgaste dando partida a frio não,pisar na embreagem alivia o esforço e não prejudica a lubrificação do motor como uns deixam no ar,os tuchos hidráulicos servem justamente para esta lubrificação da parte de cima do motor então sempre q der partida pise na embreagem

  • Jacques 26 de junho de 2018

    Sempre uso etanol no carro, quando ligava ele de manhã sem pisar na embreagem tinha que dar umas 2 ou mais tentativas. Agora sempre piso na embreagem e o carro sempre pega de primeira.

  • Billgoes 26 de junho de 2018

    É óbvio que eu acredito em quem entende não só da parte prática mas Também da parte técnica. Por isso, a coerência da informação deste site me deixa muito seguro quanto as informações passadas.

    • Jacques 26 de junho de 2018

      Sempre uso etanol no carro, quando ligava ele de manhã sem pisar na embreagem tinha que dar umas 2 ou mais tentativas. Agora sempre piso na embreagem e o carro sempre pega de primeira.

  • ANDERSON SILVA 26 de junho de 2018

    Olá amigos! Não é bem assim Emerson, sou técnico automotivo a mais de 15 anos, e assim como relata o artigo alguns carros IMPORTADOS vem com este tipo de sistema devido as legislações de seus países de origem, porém, automaticamente eles ja projetam os veículos para este tipo de procedimento. No entanto, isso não acontece nos carros fabricados no Brasil. E então, si a partida, principalmente com o motor “frio” for efetuada sempre com a embreagem acionada, haverá sim: um desgaste prematuro no motor , um desgaste axial da árvore de manivela ( virabrequim). Então para quem escreveu o artigo fica a pergunta: É melhor economizar bateria ou o motor de seu carro? Bom senso é tudo .
    Um ótimo dia a todos e até mais.

    • Elcio 26 de junho de 2018

      Apenas para esclarecer, os carros Ford fabricados no Brasil já exigem o acionamento da embreagem, na partida, fazem pelo menos quatro anos. Qual o fundamento técnico que justifique o “desgaste Axial ” do virabrequim? Este está seguro nos mancais por peças de metal macio chamados casquilhos, que em nada são afetados por ação de pisar na embreagem.

    • Paulo 26 de junho de 2018

      Concordo com seu comentário, o acionamento da embreagem pressiona intensamente o virabrequim contra as bronzinas, num momento em que não há lubrificação entre esses itens, ao longo prazo, causando folga axial no virabrequim.

    • Robson 26 de junho de 2018

      Amigo o desgaste prematuro só acontece no disco de embreagem pois o mesmo vai está colado no disco volante quando dá a partida ,com isso só vai desgastar o disco de embreagem,,,,tu é burro é,,,???

  • Emerson 26 de junho de 2018

    Isso tem muitas variáveis , pois alguns mecânicos falam que isso de pisar na embreagem prejudica o motor Etc… Em quem vamos acreditar se uns falam x e outros falam y ? A verdade é que os carros novos estão vindo já com esse sistema de só ligar o carro com o pé todo na pedal da embreagem

    • Jacques 26 de junho de 2018

      Não estraga nada, isso é mecânico de fundo de quintal, só ligar com o veículo no ponto morto e pisando na embreagem.

      • Elcio 26 de junho de 2018

        Concordo plenamente.

      • Adriano 26 de junho de 2018

        Sim Porra. concordo não estraga nada,se estragar é o disco de embreagem,se fosse por isso não existia o neutro na alavanca de mudancas ….

Deixe um comentário