Motor E.torQ 1.8 e Tigershark 2.0 serão descontinuados

Esses motores equipam os Jeep Compass e Renegade, além da picape Toro. Eles serão substituído por um propulsor melhor e turbinado

Por Boris Feldman27/04/19 às 19h30

Tanto o motor E.torQ (1.8) quanto o Tigershark (2.0) são beberrões, de baixo desempenho e pouco eficientes. Mas eles darão lugar a um novíssimo motor da FCA. Uma resposta da empresa a seus concorrentes.

[TRANSCRIÇÃO]

A Fiat já tem a solução para substituir seus velhos motores 1.8 E.torQ de 139 cavalos e também o Tigershark 2.0 de 186 cavalos, ambos flex, aplicados no Renegade, no Compass e na picape Toro. São motores pouco eficientes, que bebem muito e têm baixo desempenho.

A solução é substituir ambos pelo novíssimo motor 1.3 FireFly, que já existe no Brasil, mas aspirado. Agora ele virá turbinado, com injeção direta e 180 cavalos de potência. Além disso, o FireFly 1.0 de três cilindros com a mesma tecnologia, terá 150 cavalos. É a resposta da Fiat a seus concorrentes – quase todos já oferecendo motores turbinados no mercado brasileiro.

Motor E.torQ
Avalie o conteúdo:
PéssimoRuimRegularBomExcelente (6 votos, média: 3,00 de 5)
Loading...
Clique na estrela para avaliar.
Boris Feldman

Jornalista e engenheiro com 50 anos de rodagem na imprensa automotiva. Comandou equipes de jornais, televisão e apresenta o programa AutoPapo em emissoras de rádio em todo o país.

Boris Feldman
42 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
  • Avatar
    Sandro Toledo 1 de maio de 2019

    Tenho um Renegade, ótimo carro, motor precisa de uma atualização mesmo, faço 6km/litro sem ar e 5 km/litro com ar (no álcool)

  • Avatar
    joaquintxneto 1 de maio de 2019

    Abençoada seja minha F75!

  • Avatar
    Marco 1 de maio de 2019

    Eu fico pensando se estes motores de “alta tecnologia” terão a mesma vida útil dos motores mais antigos. Ninguém faz milagres. Alto giro gera algo desgaste. É um fato. Me parece alegria de curto prazo.

  • Avatar
    felipe 29 de abril de 2019

    Tem data aproximada para as versões com o motor novo começarem a chegar ?

  • Avatar
    Welberth 29 de abril de 2019

    Ainda nem que vendi a mi ha toro flex 1.8.
    Motor beberrão.
    Duas alegrias
    Quando compra!
    Quando vende!

  • Avatar
    Roberto 29 de abril de 2019

    NUNCA ACREDITEI NESSA FIAT , ELA ACABOU COM A JEEP E FEZ UMA PIC UP TORO QUE SE NÃO FOR A DIESEL É UM VERDADEIRO MICO !!!!
    TANTO ELA COMO INMETRO ENGANARAM A TODOS COM AQUELA ETIQUETA MARCANDO A MÉDIA DE CONSUMO !!!!
    AGORA ESTÃO DANDO ESSES CARROS COM 30 % de DESCONTO !!! OU ALGUÉM AINDA CONFIA EM ALGUM ÓRGÃO DO GOVERNO ??? INMETRO ?? NUNCA ACERTOU O CONSUMO DE CARRO NENHUM !!!!!! QUANDO VC CONSEGUE ENTRAR EM CONTATO COM ALGUÉM DESSE LUGAR ELES VEEM COM A MESMA LADAINHA DE SEMPRE , CARRO TESTADO SEM AR CONDICIONADO , BEIRA MAR , GASOLINA PURA !!!! KKKKKKKK COMPREM IMPORTADOS QUE NUNCA SERÃO ENGANADOS !

  • Avatar
    Raniele Pontes 29 de abril de 2019

    Agora eu vi mesmo! É cada comentário. Quer dizer que a empresa não deve se modernizar, pois é desrespeito a quem já adquiriu a tecnologia antiga? É cada uma!!!

  • Avatar
    João Beberrão 29 de abril de 2019

    Compra quem pode!

  • Avatar
    Rodrigo Gonçalves 28 de abril de 2019

    Eu tenho um uno 1.0 firefly á dois anos e não me arrependo quando lançar esse novo de 150cv não penso duas vezes vou trocar kkkkk

  • Avatar
    Cláudio 28 de abril de 2019

    Poxa, motor Tigershark 2.0 aspirado rende quase 170cv e vcs dizem que tem baixo desempenho? Nem li o restante da matéria. Abraço.

  • Avatar
    Ewerton 28 de abril de 2019

    A Fiat comprou a Dodge, deveriam colocar o motor que era usado lá, V6 e V8 são muito bom alcança até 300cv. A minha Journey motor 3.6 V6 alcança 0 a 100km em 9 segundos. Isso que esses carros da jeep merece. Olha que ela faz 7.7 por litro claro usando de forma econômica.

    • Avatar
      Roberto 29 de abril de 2019

      QUE TAL O MOTOR 1.8 ?????
      UM LIXO NÉ ?

  • Avatar
    Ângelo Giuseppe Ptak 28 de abril de 2019

    Muito bom essa novidade da Fiat. Novos motores mais eficientes e menos consumo. Fatores esses que prejudicam os atuais modelos vendidos no mercado.

  • Avatar
    Osmar da Silva 28 de abril de 2019

    Oi bom dia.
    Se as empresas não evoluir vão ficar pra trás, é a Fiat acompanhando o mercado da tecnologia, Seja bem vindo os motores turno, isso é garantia do nosso emprego.

  • Avatar
    Djair Manoel 28 de abril de 2019

    Tem q ser treta em outros modelos na Strada, Cronos e outros vindo original, e nos motores 1.6 16v e nos motores 1.4turbo 8v poderiam lança motores 1.2turbo tretaflyer

  • Avatar
    Djair Manoel 28 de abril de 2019

    Tem q ser treta em outros modelos na Strada, Cronos e outros vindo original, e nos motores 1.6 16v e nos motores 1.4turbo 8v poderiam lança motores 1.2turbo

    • Avatar
      Gustavo 28 de abril de 2019

      SQN kkkkk , cada pérola de comentário….

  • Avatar
    Sélio 28 de abril de 2019

    Motor turbo não é novidade. Se for pesquisar já tem mais de 100 anos de história.
    Ficam escondendo tecnologias…
    Na realidade a indústria nunca esteve preocupada com eficiência, economia de combustível, poluição, com o bolso do consumidor…
    Chega um momento onde elas vêem que mudam de postura ou simplesmente perdem o mercado.

    • Avatar
      Andre 28 de abril de 2019

      Empresas capitalistas sendo capitalistas, lucro máximo.

      E que se foda a natureza e as pessoas.

      Neste mercado não existe concorrência efetiva.

      Só notar, quando compararam fica evidente.
      A empresa 1 tem boa mecânica mas não tem espaço.
      A 2 tem bom espaço mas acabamento ruim.
      A 3 bom acabamento e mecânica ruim…
      Tudo combinado…

      Motores e câmbio então é um escândalo, muita velharia.

      Sem falar dos escandalosos acordos para não pagar impostos…
      Muita propina…

    • Avatar
      Barbosa 28 de abril de 2019

      Verdade.. tecnologias com níveis de eficiência maiores existem mais não são repassadas e quando são, querem cobrar um absurdo como se fosse algo novo nunca visto antes.

    • Avatar
      FELIPE JOSE DUARTE DO NASCIMENTO 28 de abril de 2019

      Sabedoria pura!

  • Avatar
    Didacio Dias de Brito 28 de abril de 2019

    Ótimas noticias afinal tudo aquilo que for bom pra diminuir consumo de combustível sem nenhum perda para o cliente será bem vindo.Tenho a touro fridon mas realmente o consumo de combustível e muito alto vive mais na garagem.

    • Avatar
      Roberto 29 de abril de 2019

      EU CONSEGUI VENDER A MINHA !!!!!! 2.4 UM LIXO DE CARRO !!!

  • Avatar
    Tonho do brejo 28 de abril de 2019

    Porcaria de Motor, mini motor….
    Carrinho de autorama

    • Avatar
      Gustavo 28 de abril de 2019

      Kkkkkk
      Nota zero prá teu comentário.
      O WV 1.0 TSI também é mini de autorama então,nem vou perder mais tempo com um abestado….

  • Avatar
    Greg de leon 28 de abril de 2019

    Nossa …já n era sem tempo .hein
    Um absurdo esses motores velhos em carros novos..

  • Avatar
    Greg de leon 28 de abril de 2019

    Nossa ..tá demorando demais dona Fiat..vcs n eram assim tão lerdos..

  • Avatar
    Jair Vieira silva 28 de abril de 2019

    Boris

  • Avatar
    Francisco Couto 28 de abril de 2019

    É inconcebível a esta altura o fabricante estar credenciado para lançar motores em carros desse porte, que com pouco tempo sejam estigmatizados como pouco eficientes, beberrões, ensejando a substituição do propulsor. É, no mínimo, um ato lesivo ao consumidor.

    • Avatar
      Asaph 28 de abril de 2019

      Fiat sendo fiat

    • Avatar
      Greg de leon 28 de abril de 2019

      O Chico..fica com eles então..já que vc faz questão..de carro novo com motor veio .ok

    • Avatar
      Cícero Fabiano Dantas 28 de abril de 2019

      Eu tinha acabado de comprar o Gol 1.0 g5 em 2012. Antes tinha visto na internet que viria uma nova geração, só que não tinha data definida. Enfim, com uns três meses depois, a nova geração apareceu, kkkkk…Achei falta de respeito e verdade para com o consumidor.

    • Avatar
      Irineu Cardo 28 de abril de 2019

      Concordo plenamente , quando comprei minha estrada 1.8 o motor E.torQ era o melhor que tinha , hoje com menos de 10 anos é considerado velho e beberão, tão de brincadeira .

      • Avatar
        Gustavo 28 de abril de 2019

        Quem tá de brincadeira é tu…vai querer que a montadora deixe de utilizar e tecnologia disponível para respeitar quem comprou um motor agora defasado? É o mesmo que se ofender ao se afirmar que o SMS é considerado velho e ineficiente perante ao WhatsApp. Olhe a era da transformação que vivemos. Veja a revolução tecnológica e comportamental que houve nos últimos 10 anos

    • Avatar
      Irineu 28 de abril de 2019

      Concordo plenamente , quando comprei minha estrada 1.8 o motor E.torQ era o melhor que tinha , hoje com menos de 10 anos é considerado velho e beberão, tão de brincadeira .

    • Avatar
      Flávio 28 de abril de 2019

      Falou tudo

    • Avatar
      Elizeu 28 de abril de 2019

      A empresa apenas se vale do mercado, pouco instruído e disposto a pagar caro por tecnologia ultrapassada. Para o brasileiro, nada mais vale que o status de um carro novo, não importa a eficiência, não importa se é seguro, não importa se polui. Também não importa em pagar mais impostos consumindo mais combustível…

    • Avatar
      Marlus 28 de abril de 2019

      Apoiado Francisco Couto, perfeito um verdadeiro desrespeito ao consumidor, por isso temos que pesquisar antes de comprar, analisar bem os testes e verificar a eficiência do conjunto.

      • Avatar
        Roberto 29 de abril de 2019

        ESSE CARROS SÃO UM VERDADEIRO LIXO !!
        TORO A GASOLINA NÃO FAZ MAIS DE 5 KM , A ÁLCOOL NEM PENSAR .
        MOTOR 1.8 NÃO PRESTA !
        NINGUÉM CAI MAIS NO CONTO DA FIAT !!

      • Avatar
        Mario 29 de abril de 2019

        Tenho parentes que possuem ambos os carros e gostam muito deles. Generalizar que o carro é um “lixo” fica complicado, pois são bons produtos, mas não possuem um conjunto motor tão moderno. Acho que adotando os motores com turbo compressor vão vender ainda mais.

  • Avatar
    João Paulo 27 de abril de 2019

    Esse motor 1.0 firefly com 150 CV de potência tem tudo pra dá banho no 1.0 Tsi da VW. que tem a potência de 128 cv

  • Avatar
    Luiz 27 de abril de 2019

    Que bom que todo mudado

Avatar
Deixe um comentário