Cruzeiro é rebaixado e pode perder patrocínio da Fiat

Time mineiro pode enfrentar mais este desafio após ter sido rebaixado à Série B - equipe também passa por investigações criminais e dívidas milionárias

Por AutoPapo11/12/19 às 18h57

No último domingo (8), o Cruzeiro passou por um experiência inédita. O time mineiro foi rebaixado para a Série B pela primeira vez em sua história. Além do baque e outras dificuldades que vem enfrentando, a equipe também está correndo o risco de perder um grande patrocinador, a Fiat.

patrocinador cruzeiro rebaixado fiat 2

Como lembra a Autoesporte, a fabricante tem a tradição de apoiar times mineiros devido à sua proximidade geográfica. A fábrica de Betim, nos arredores de Belo Horizonte, é a maior que a marca mantém no país, e uma das maiores no mundo.

O contrato de patrocínio do Cruzeiro termina este ano. Com relação a renovação, questionada pelo AutoPapo, a fabricante não deu certeza. “A FCA está avaliando os resultados da iniciativa ao longo de 2019 para tomar uma decisão sobre o patrocínio aos times de futebol”, comunicou, em nota.

Enquanto isso, o time tenta se manter de pé antecipando cotas de transmissão e apoio junto às parceria que permanecem. Uma delas é com futuro patrocinador master do Cruzeiro, Supermercados BH.

A equipe tem enfrentado muitas dificuldades fora de campo, está devendo R$ 700 milhões, e o alto escalão administrativo do time está sendo investigado por fraude.

1 Comentário
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
  • Avatar
    marcus 13 de dezembro de 2019

    O Galo está de portas abertas. Receberemos com alegria todo o patrocínio da Fiat.

Avatar
Deixe um comentário