Hyundai Creta PcD volta ao mercado com preço de R$ 69.990

O modelo 2019 retorna com o mesmo valor de R$ 69.990 e sem alterações de conteúdo; motor é 1.6 e o câmbio automático de seis marchas

Por AutoPapo22/01/19 às 16h27

A Hyundai retoma, neste mês, as vendas do Creta Attitude 1.6 automático para Pessoas com Deficiência (PcD), depois de um período de suspensão na comercialização, devido à elevada demanda pela versão. De acordo com o fabricante, “a medida foi necessária para que a capacidade de produção pudesse ser totalmente dedicada aos pedidos registrados até o momento da interrupção, em agosto do ano passado.”

O modelo 2019 retorna com o mesmo valor de R$ 69.990 e sem alterações de conteúdo. As demais versões do SUV Creta e do compacto HB20 não sofreram interrupção e seguem disponíveis para o público PcD com as devidas isenções de impostos, conforme regulamentação nacional de vendas a Pessoas com Deficiência (PcD).

Para ficar dentro do limite de de preço para o desconto do ICMS, o Creta PcD tem visual mais simples e é menos equipado que as demais versões.

O modelo conta com rodas de aço de 16 polegadas e calotas, direção elétrica e ar-condicionado, sistema Start/Stop, vidros elétricos com função one-touch  para motorista.

O Hyundai Creta PcD vem equipado com os compulsórios freios ABS e airbag duplo frontal. Além deles, o SUV conta com controle eletrônico de estabilidade (ESP), sinalização de frenagem de emergência (ESS), controle de tração (TCS), assistente de partida em rampa (HAS) e sistema de fixação de cadeira infantil ISOFIX.

O motor 1.6 16V tem potência de 123 cavalos a 6.300 rpm e torque de 16 kgfm (com gasolina) e 130 cv a 6.300 rpm e torque de 16,5 kgfm (com etanol). O 2.0, por sua vez, entrega 156 cv e 166 cv, com torques de 19,1 kgfm e 20,5 kgfm, respectivamente.

1 Comentário
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
  • marisa 24 de janeiro de 2019

    Fácil de entender, parabéns e continue assim sempre. Ótimo artigo, gostei muito

Deixe um comentário