Caoa Chery Tiggo 7: Boris fala suas impressões sobre o novo SUV

Modelo tem porte do Jeep Compass e agrada pelo espaço interno e bom acabamento, mas peca em alguns detalhes; preço é a partir de R$ 106.990

Por Boris Feldman18/02/19 às 12h40
De São Paulo (SP)

A Caoa Chery lançou seu terceiro utilitário esportivo (SUV) no Brasil, o Tiggo 7. Ele será vendido por R$ 106.990, na versão T, e R$ 116.990, na configuração mais completa TXS.

O motor é 1.5 flex turbo. A potência máxima é de 150 cv, a 5.500 rpm e o torque é de 21,4 kgfm. A tração é sempre dianteira. O câmbio é automatizado de dupla embreagem, com seis velocidades.

O SUV Tiggo 7 é fabricado pela Caoa Chery em Anápolis (GO) .  Entre os itens de série do Tiggo 7 estão as rodas de liga aro 17″, controle de estabilidade, chave presencial, ar-condicionado digital, sistema multimídia com tela de 9 polegadas, freio de estacionamento elétrico e luzes diurnas de LED.

Na configuração TXS, o modelo da Caoa Chery ainda conta com rodas aro 18  polegadas, ar-condicionado digital de duas zonas, teto-solar panorâmico, banco do motorista com ajustes elétricos e airbags laterais e de cortina, totalizando seis bolsas infláveis.

Com 4,50 m de comprimento, 1,87 m de largura, 1,67 m de altura e entre-eixos de 2,67 m, o Tiggo 7 tem porte semelhante ao do Jeep Compass. O porta-malas tem 414 litros de capacidade.

Já andei no SUV da Caoa Chery durante o lançamento dele. Veja o que achei do Tiggo 7:

[TRANSCRIÇÃO]

O grupo Caoa o já lançou dois utilitários esportivos da Chery aqui no Brasil: o primeiro foi o Tiggo 2, depois o Tiggo 5X. Agora, ela já está produzindo aqui o Tiggo 7, o maior deles, o mais confortável,espaçoso, com motor 1.5 turbo de 150 cavalos.

É um carro que concorre na faixa , digamos, do Jeep Compass. Vamos ver como é o Tiggo 7?

Ao volante a potência é legal para um bom desempenho, mas não para quem exige mais do que isso. O estilo é marcante e se destaca com design da própria Chery. O painel tem uma bem bolada tela de multimídia.O câmbio automático é de dupla embreagem, verdadeiro estado da arte, mas a Chery se esqueceu das aletas para cambiar sob o volante.

O acabamento é de primeira, e faz até lembrar um SUV de categoria premium. O espaço no banco traseiro é campeão no segmento.

Confira galeria de fotos do Caoa Chery Tiggo 7

O maior SUV da Caoa Chery, Tiggo 7, foi lançado nessa quarta-feira (13), em São Paulo. Modelo oferece duas versões com motorização 1.5 Turbo.
Tiggo 7

Fotos Caoa Chery | Divulgação

Avalie o conteúdo:
PéssimoRuimRegularBomExcelente (9 votos, média: 4,22 de 5)
Loading...
Clique na estrela para avaliar.
3 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
  • Avatar
    Celio* 21 de fevereiro de 2019

    Enquanto deixam de produzir o Fiesta, mais “suvões” como esse aparecem no mercado.
    Existem pessoas que se dizem ecologistas, mas sem saber exatamente o significado da coisa.
    Ecologia é muito mais do que não jogar papel na rua e não fumar.

  • Avatar
    Marcelo 21 de fevereiro de 2019

    ô Boris, esse câmbio de dupla embreagem é o do extinto Fiesta ????? O pavoroso Powershift!!????

    • Felipe Boutros
      Felipe Boutros 22 de fevereiro de 2019

      Olá, Marcelo. Muitos fabricantes desenvolvem e utilizam câmbio de dupla embreagem (VW e Audi, Mercedes, BMW…) e a maioria não teve problemas como os relatados no Powershift.

Avatar
Deixe um comentário