Carros baratos: conheça as 5 opções mais em conta do país

No mercado de veículos zero-quilômetro, ainda existem modelos na casa dos R$ 30 mil; obviamente, eles abrem mão de determinados equipamentos

Por AutoPapo27/10/18 às 10h30

Essa matéria é para você está com a grana curta, mas não abre mão de ter um veículo zero-quilômetro. O AutoPapo listou as cinco opções com preços mais baixos do mercado brasileiro. Entre os carros baratos do país, há opções de diferentes marcas, mas todos têm carroceria hatch e motor 1.0. Confira:

1. Chery QQ Smile: R$ 27.490

Carros baratos do mercado brasileiro: Chery QQ na versão Smile tem preço sugerido de R$ 27.490
Chery | Divulgação

Sim, ainda é possível comprar um automóvel zero-quilômetro por menos de R$ 30 mil. Nessa faixa, porém, há apenas uma opção: o Chery QQ, que, na versão Smile, tem preço sugerido de R$ 27.490. Trata-se do carro mais barato do Brasil. A contra partida está nos equipamentos de série, que são escassos. Há rádio com entrada USB e dois alto-falantes, alarme e regulagem elétrica dos fachos dos faróis, além dos obrigatórios por lei freios ABS e airbags frontais. E só!

Para ter ar-condicionado, direção hidráulica, computador de bordo, vidros dianteiros e travas elétricas, antena de teto e até para-choques pintados na cor da carroceria, é preciso partir para a configuração Look. É verdade que, mesmo na configuração intermediária, o QQ ainda é um dos carros baratos: custa R$ 31.990. O top de linha Act acrescenta comando elétrico para retrovisores e vidros traseiros, rodas de aço de 14 polegadas (elas têm aro 13 no restante da linha), sistema de som com quatro alto-falantes e desembaçador e limpador na tampa do porta-malas. Assim, todo equipado, o modelo tem preço de R$ 33.790.

Todas as versões do Chery QQ vêm equipadas com motor 1.0 flex de três cilindros e 12 válvulas. Ele desenvolve 75 cv de potência com etanol e 74 cv com gasolina. O torque é de 10,1 kgfm com o primeiro combustível e de 9,7 kgfm com o segundo. Já o câmbio é sempre manual de cinco marchas.

2. Renault Kwid Life: R$ 32.490

Carros baratos do mercado brasileiro: Renault Kwid na versão Life tem preço sugerido de R$ 32.490
Renault | Divulgação

A segunda opção mais em conta do mercado é o Renault Kwid Life. Com preço de tabela de R$ 32.490, o modelo é o segundo passo no mundo dos carros baratos zero-quilômetro. A lista de itens de série, claro, é pequena: inclui preparação para som, ar quente e desembaçador traseiro. Porém, há airbags laterais de série, além dos frontais e dos freios ABS. As rodas, de aço estampado, têm 14 polegadas.

A boa notícia é que a versão seguinte, Zen, já traz um coteúdo interessante. Pelo preço de R$ 37.990, ele vem com direção elétrica, ar-condicionado, vidros e travas elétricas e rádio com Bluetooth e entrada USB. Acima dela, há ainda a configuração Intense, que custa R$ 41.990. Acrescenta faróis de neblina, retrovisores elétricos, porta-malas com abertura elétrica, chave do tipo canivete e sistema multimídia com câmera de ré.

A linha Kwid vem equipada com motor de três cilindros, com cabeçote de 12 válvulas. A potência com etanol é de 70 cv, e com gasolina, de 66 cv. Já o torque é de 9,8 kgfm com o combustível vegetal e de 9,4 kgfm com o derivado do petróleo. Uma transmissão manual de cinco velocidades complementa o conjunto mecânico do segundo dos carros baratos do país.

3. Fiat Mobi Easy: R$ 32.590

Carros baratos do mercado brasileiro: Fiat Mobi na versão Easy tem preço sugerido de R$ 32.590
Fiat | Divulgação

A Fiat tem tradição em fabricar carros baratos. A prova disso é o Mobi, o terceiro modelo mais em conta do país. Na versão de entrada Easy, o modelo custa R$ 32.590. Pelado, ele vem equipado apenas com sinalização de frenagem de emergência (que aciona o pisca-alerta automaticamente em franagens bruscas) e função auxiliar de acionamento da seta para trocar de faixa. As rodas são de aço estampado, com 13 polegadas. Ar quente com desembaçador, travas e vidros dianteiros elétricos, preparação para som e desembaçador, lavador e limpador traseiros são opcionais.

O ar-condicionado vem apenas na versão seguinte, batizada de Easy Comfort, cujo preço sugerido é de R$35.990. Para ter direção hidráulica, é preciso subir mais um degrau e optar pela configuração Like, que custa R$ 38.890. De quebra, ela traz, além de todos os equipamentos citados até aqui, coluna de direção regulável em altura, computador de bordo e rodas de 14 polegadas.

As versões Easy, Easy Comfort e Like têm a mesma mecânica. O motor é o Fire 1.0 de quatro cilindros e oito válvulas, acoplado ao câmbio manual de cinco posições. Com etanol, ele rende 75 cv de potência e 9,9 kgfm de torque. Com gasolina, os números caem para 73 cv e 9,5 kgfm. A caixa de marchas é manual de cinco relações.

O Mobi também está disponível na configuração Drive, com o motor FireFly 1.0, que tem três cilindros com seis válvulas. Nesse caso, a potência é de 77 cv com o combustível vegetal e 72 cv com o derivado do petróleo. O torque sobe bastante: 10,9 kgfm e 10,4 kgfm com os dois combustíveis, respectivamente. O pacote de equipamentos é semelhante ao da configuração Like, mas a direção é elétrica. O preço, claro, é maior: R$ 43.990.

4. Fiat Uno Attractive: R$ 43.690

Carros baratos do mercado brasileiro: Fiat Uno na versão Attractive tem preço sugerido de R$ 43.690
Fiat | Divulgação

Outro Fiat na lista dos carros baratos do mercado, o Uno parte de R$ 43.690 na versão Attractive. A boa notícia é que ele traz todo o conteúdo essencial. Vem equipado com travas e vidros dianteiros elétricos, ar-condicionado e direção hidráulica. Todavia, pré-disposição para som ou sistema completo de áudio, além de limpador, lavador e desembaçador do vidro traseiro são opcionais.

O Uno Attractive também é movido pelo motor 1.0 da família Fire. Os números são os mesmos do Mobi: 75 cv e 9,9 kgfm com gasolina e 73 cv e 9,5 kgfm com etanol. O FireFly vem na opção Drive, que custa R$ 45.590. Além de miores potência e torque – 77 cv ou 72 cv e 10,9 kgfm ou 10,4 kgfm – ela traz de série todo o conteúdo opcional na versão anterior.

5. Hyundai HB20 Unique: R$ 43.990

Carros baratos do mercado brasileiro:Hyundai HB20 na versão Unique tem preço sugerido de R$ 43.990
Hyundai | Divulgação

Nem Volkswagen, nem Ford, nem Chevrolet. A quinta posição no ranking de carros baratos do mercado brasileiro ficou com um Hyundai. A versão de entrada Unique custa R$ 43.990, exatos R$ 1.000 a menos que Onix Joy e Gol 1.0. A boa notícia é que o modelo é completinho: vem com direção hidráulica, ar-condicionado, travas e vidros elétricos dianteiros, computador de bordo, banco do motorista e coluna de diração com regulagem de altura e sistema de som com Bluetooth, MP3 Player, porta USB comandos no volante. Há até ganchos Isofix para fixação de cadeirinhas no banco traseiro.

O motor, assim como nos demais, é 1.0 de aspiração natural. Com três cilindros e 12 válvulas, desenvolve 80 cv com etanol e 75 cv com gasolina. São 10,2 kgfm de torque com o primeiro combustível e 9,4 kgfm com o segundo. A transmissão também exibe a mesma arquitetura dos outros carros baratos do Brasil: tem cinco marchas e acionamento manual.

4 Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
  • Paulo Roberto 30 de outubro de 2018

    Concordo totalmente com o Victor Hugo, infelizmente não é só em automóveis, mas em tudo.
    Em breve vou pegar pesado contra essas empresas que oferecem cada vez menos e cobrando mais.

  • blackfalcon 28 de outubro de 2018

    Renault Kwid: vidros e travas elétricas são nas quatro portas?

  • john 27 de outubro de 2018

    queria ver essas configurações ladalado, com em um comparativo!!!

  • Victor hugo 27 de outubro de 2018

    Esse país é tão de merda que ainda se fala em carro. Sem ar condicionado é direção hidráulica! Vamos morrer sendo essa republiqueta cheia de ladrões!

Deixe um comentário