No dia do trabalhador, conheça os carros feitos para transportar carga

Listamos os veículos com foco no transporte de carga com preços abaixo de R$ 100 mil disponíveis no mercado brasileiro

Por Alexandre Carneiro 01/05/19 às 09h59

Para eles, não existe dia do trabalhador nem qualquer outro feriado. O negócio deles é pegar no pesado, sem descanso! São os carros de carga, feitos sob medida para empresários ou autônomos que trabalham com transporte. O AutoPapo listou os modelos disponíveis no mercado brasileiro com preços abaixo de R$ 100 mil. Todos eles são comerciais leves: veículos maiores têm valores mais elevados, que superam os seis dígitos. Confira:

1. Fiat Strada Working: R$ 51.990

carros de carga: fiat strada working

Opção tradicional entre frotistas e transportadores urbanos, a Strada se mantém como picape mais vendida do país. O projeto de 20 anos é compensado por uma capacidade de carga de 705 kg. O motor é o 1.4 Fire, capaz de render 88 cv de potência com etanol e 85 cv com gasolina. O torque é de 12,5 kgfm com o primeiro combustível e de 12,4 kgfm com o segundo.

Disponível unicamente com cabine simples, a Fiat Strada Working tem preço sugerido de R$ 51.990. As carrocerias com cabine estendida ou dupla são oferecidas na versão Hard Working, que apesar do nome que sugere maior robustez, tem as mesmas características técnicas. A diferença está na lista de equipamentos, que é mais generosa.

2. Volkswagen Saveiro Robust: R$ 52.360

carros de carga: volkswagen saveiro robust

Outra picape compacta com uma versão feita sob medida para frotistas é a Saveiro. A configuração Robust vem com motor 1.6 de oito válvulas, que desenvolve 104 cv e 15,6 kgfm com etanol. Os números caem para 101 cv e 15,4 kgfm com gasolina no tanque. A capacidade de carga, de acordo com a Volkswagen, é de 715 kg.

Na Saveiro Robust custa R$ 52.360 com cabine simples: Esse valor faz dela um dos carros de carga mais acessíveis do mercado brasileiro.  O modelo também é comercializado com cabine dupla, mas, nesse caso, o preço sobe bastante: vai para R$ 65.250.

3. Renault Duster Oroch Express: R$ 63.090

carros de carga: renault duster oroch express
Foto Renault | Divulgação | Rodolfo Buhrer.

Opção para quem quer uma picape voltada para o trabalho, mas com cabine dupla, a Oroch Express custa  R$ 63.090. O habitáculo com espaço para cinco pessoas sacrifica um pouco a caçamba, que é curta. A carga útil, de 650 kg, também é ligeiramente inferior às das caminhonetes compactas. Por outro lado, o motor é mais potente: o 1.6 16V entrega 120 cv com etanol e 118 cv com gasolina. O torque é de 16,2 kgfm com ambos os combustíveis.

A única versão destinada preferencialmente ao trabalho é a Express. As demais, Expression e Dynamique, têm proposta de utilização mais recreativa, embora compartilhem todas as características técnicas.

4. Fiat Fiorino: R$ 63.490

carros de carga: fiat fiorino
Por aqui, o Fiat Fiorino é uma derivação do Uno...

O mais acessível entre os carros de carga do tipo furgão, com o compartimento fechado, é o Fiorino. Ele traz a mesma mecânica da picape Strada, capitaneada pelo motor 1.4 Fire, de 88 cv de potência com etanol e 85 cv com gasolina, além de 12,5 kgfm de torque com o primeiro combustível e de 12,4 kgfm com o segundo. A capacidade de carga, porém, é um pouco inferior: 650 kg.

Na versão básica, que não tem nome específico (a Fiat chama-o apenas de Fiorino), o modelo tem preço sugerido de R$ 63.490. Mas o furgão também está disponível na configuração Hard Working, mais equipada (e cara).

5. Peugeot Partner: R$ 64.990 / Citroën Berlingo Furgão: R$ 66.190

Partner e Berlingo Furgão são carros de carga idênticos. Na verdade, trata-se do mesmo projeto, mas com logomarcas distintas. Por isso, a opção por um ou outro modelo se dá unicamente por questão de preferência pelo fabricante. No fim das contas, nem isso é tão relevante, já que Peugeot e Citroën integram o grupo francês PSA.

A mecânica é a mesma no Partner e no Berlingo. Equipados com com um motor 1.6 16V, os dois furgões têm 113 cv de potência com etanol ou 110 cv com gasolina. já o torque é de 15,5 kgfm com o combustível vegetal e de 14,2 kgfm com o derivado do petróleo. A capacidade declarada de carga é de 800 kg.

Com a retirada do Fiat Doblò Cargo do mercado, Partner e Berlingo Furgão ficaram sozinhos em seu segmento. Curiosamente, apesar das semelhanças, o modelo da Citroën é ligeiramente mais caro: custa R$ 66.190, ante R$ 64.990 do “irmão” da Peugeot.

6. Peugeot Expert e Citroën Jumpy:  R$ 95.390

A história dos carros de carga “gêmeos” se repete com Expert e Jumpy. Ambos partem do mesmo projeto, mas têm aspecto frontal ligeiramente distinto, com grade e faróis próprios. E, claro, são fabricados por Peugeot e Citroën.

Os dois furgões gêmeos, claro, compartilham toda a parte mecânica. Inclusive o motor, que é a diesel: o 1.6 turboalimentado entrega 115 cv de potência e generosos 30 kgfm de torque. Ambos têm carga útil de 1.500 kg.

Tanto o Expert quanto o Jumpy têm preço sugerido de R$ 95.390. Eles são comercializados também em outras versões. O utilitário da Peugeot dispõe até de uma versão para passageiros, com janelas nas laterais.

Fotos divulgação

Avalie o conteúdo:
PéssimoRuimRegularBomExcelente (Seja o primeiro a avaliar)
Loading...
Clique na estrela para avaliar.
1 Comentário
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
  • Avatar
    Laelio 2 de maio de 2019

    Motor do jeep renegade chegar tubo esse ano

Avatar
Deixe um comentário