Propaganda de carro: 10 comerciais que provocaram os concorrentes

Para vender automóveis, vale tudo, inclusive citar, de maneira direta ou indireta, os concorrentes; confira 10 vídeos nessa linha

Por Alexandre Carneiro08/12/18 às 10h31

Há quem diga que a publicidade é o ramo mais artístico da comunicação. Certamente também é um dos mais competitivos. Se o produto anunciado for um automóvel, os ânimos parecem ficar ainda mais aflorados. Quando o assunto é propaganda de carro, vale tudo; inclusive provocar diretamente a concorrência. O AutoPapo listou 10 comerciais – cinco brasileiros e cinco estrangeiros – nos quais os fabricantes alfinetaram, de maneira direta ou sutil, algum adversário. Confira:

Quando o assunto é propaganda de carro, várias marcas já provocaram os concorrentes; veja 10 exemplos!

1.  Nissan x Volkswagen e Toyota (e outras)

Uma das séries de comerciais mais provocativas que a televisão brasileira já viu foi protagonizada pela Nissan. Em diferentes vídeos, a empresa alfinetou várias concorrentes: em um anúncio do Tiida, o alvo foi o Ford Focus, enquanto uma peça publicitária do Livina citava, ao mesmo tempo, os rivais Chevrolet Meriva, Honda Fit e Fiat Idea. Em outra propaganda de carro dessa leva, da Frontier, as rivais Toyota Hilux e Volkswagen Amarok eram descritas como “picapes de agroboy”. Relembre:

2. Volkswagen x Ford

No início dos anos 2000, chegaram ao mercado os primeiros carros 1.0 sobrealimentados. Eles eram o Gol 1.0 Turbo e o Fiesta Supercharger. O primeiro, claro, recorria a um turbocompressor, enquanto o segundo usava um compressor volumétrico. A Volkswagen partiu para a ofensiva: em uma propaganda de carro, dizia que seu hatch tinha tecnologia de avião, enquanto o concorrente apelava a um componente de geladeira. Assista:

3. Asia Motors x Volkswagen

Durante a década de 90, o mercado brasileiro de veículos passou por um momento singular. A abertura às importações provocou um verdadeiro tsunami de novos produtos, e o consumidor, que tinha apenas quatro marcas à sua disposição, viu seu leque de opções se multiplicar. Uma das novatas, a coreana Asia Motors, chegou provocando a Volkswagen. Em uma propaganda de carro que “causou” na época, a marca estrangeira ironizou os 40 anos da Kombi, mostrada desfocada diante de uma Towner. Ironicamente, a envelhecida van nacional ainda permaneceu em produção por mais duas décadas, enquanto a rival asiática rapidamente saiu de cena. Confira:

4. Ford x Chevrolet

Ainda nos anos 90, foi a Ford que declarou guerra à concorrência. Literalmente: a marca do símbolo oval veiculou vários comerciais comparando seus produtos aos similares da Chevrolet. A empresa investiu até na contratação de Pedro Cardoso como seu porta-voz. A vantagem, claro, sempre era do modelo da casa.  Sobrou até para a Volkswagen, em uma peça publicitária na qual o Escort é confrontado com Kadett, Logus Ponter e Golf. No fim da propaganda de carro, o ator até se desculpa com as concorrentes, em tom irônico. Veja:

5. Fiat x Hyundai

A linha de importados da Hyundai é sempre anunciada do mesmo modo. Via de regra, em propaganda de carro da marca, o produto é mostrando em um cenário futurístico, enquanto um narrador, com uma voz empostada, fala que ele é o melhor de sua categoria… no mundo! A Fiat não citou a concorrente nominalmente, mas usou todos esses efeitos, em tom jocoso, em uma série de comerciais próprios. O modelo anunciado era o Freemont:

6. Jaguar x Mercedes (e vice-versa)

A Mercedes explicou de maneira muitíssimo simples o funcionamento do Magic Body Control, sistema de estabilidade presente em seus veículos. Em um vídeo, a marca mostrou o que parecem ser engenheiros ao manuseando galinhas. A cabeça das aves fica imóvel enquanto o corpo muda de posição: está feita a alusão ao equipamento. A Jaguar aproveitou a deixa e lançou uma propaganda de carro no qual mostra um felino literalmente devorando, em uma bocada só, o galináceo. A concorrente alemã não deixou barato e veiculou uma tréplica. Veja os três comerciais:

7. Audi x Mercedes, BMW, Volvo e Alfa Romeo

Um comercial de carro já antigo, mas até hoje lembrado, foi feito pela Audi. A peça publicitária diz que os carros da marca reúnem as qualidades de todos os concorrentes. O mais interessante não é a mensagem, mas a simplicidade do material, e a maneira como Mercedes, Audi, Volvo e BMW são citadas. Confira:

8. Chevrolet x Honda e Toyota

A primeira geração do Cruze foi feita para competir diretamente com Civic e Corolla. E a Chevrolet não escondia isso, muito pelo contrário. No material publicitário do sedã, havia vídeos nos quais os concorrentes eram diretamente citados. Em uma propaganda de carro, o sedã diz (isso mesmo, em primeira pessoa) que vai caçar o rival da Honda. Assista:

9. Ford x Chevrolet e GMC (e vice-versa)

Há décadas, o veículo mais vendido dos Estados Unidos é uma picape. Esse título é dos modelos da série F, da Ford. É comum que o segundo lugar também fique com uma concorrente: a Chevrolet Silverado. A rivalidade é tanta que os dois fabricantes já alfinetaram um ao outro diversas vezes nos comerciais de suas caminhonetes. Uma propaganda de carro das mais provocativas do país surgiu a partir dessa dualidade, ainda nos anos 80. A peça mostra uma F-250 puxando morro acima utilitários do fabricante concorrente. A General Motors não deixou barato e respondeu:

10. Fiat x Volkswagen

O ano era 1988. A Fiat havia acabado de introduzir o Tipo no mercado europeu. A novidade entrava no disputado segmento de hatches médios, liderado pelo Volkswagen Golf. O modelo italiano chegou desafiando o rival de maneira sutil. Em um dos comerciais de lançamento, ele é mostrado em um campo de provas alemão, sendo testado por uma empresa rival… Nem precisa dizer qual concorrente é essa, certo? O veículo se sai muito bem, e o piloto desce dizendo que ele é muito bom. Um dos engenheiros, então, comenta algo como “isso nos trará problemas”. Conheça essa icônica propaganda de carro:

Imagens: Youtube | Reprodução

1 Comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
  • Francisco 8 de dezembro de 2018

    O gol turbo foi interrompida a sua fabricação por dar muitos problemas, bem feito, quem mandou comprar carro fabricado pela fábrica de carroças ?

Deixe um comentário