[Recall] Mais de 3.500 Chery Tiggo 2 são convocados para reparo

Chicote do módulo de controle do motor pode apresentar problemas e até mesmo impedir a partida ou o desligamento do componente

Por AutoPapo04/12/18 às 16h03

A Caoa Chery anunciou, nesta terça-feira (04), um chamamento que inclui 3.575 unidades do Tiggo 2, SUV compacto lançado pela fabricante em abril de 2018. Possibilidade do chicote do módulo ECM (módulo de controle do motor) sofrer avarias coloca em risco motorista, ocupantes e terceiros.

O chicote do Chery Tiggo 2 pode entrar em atrito com as partes metálicas do compartimento do motor, causando curto-circuito e ou rompimento da peça.

Caso isso ocorra, o SUV pode acender as luzes do painel, apresentar falhas no sistema de injeção, oscilação da marcha lenta, impedimento da partida ou desligamento do motor. A assistência de frenagem também pode ser comprometida, dificultando o desempenho do condutor.

Para realizar o reparo, os donos dos Chery Tiggo 2 produzidos entre maio de 2017 e setembro de 2018 devem entrar em contato com a fabricante pelo telefone 0800-772-4379 ou pela página de recall da marca e agendar o serviço.

Qualquer concessionária da Caoa Chery pode auxiliar os consumidores, que devem ter que abrir mão do carro por até 1h30, se for necessário realizar a substituição do chicote do módulo de controle do motor.

Chassis dos Cherry Tiggo 2 envolvidos no recall:

  • Ano|Modelo: 2017, 2018 e 2019
  • Chassis (não sequenciais): JA000929 a KA006473
  • Data de fabricação: 23 maio de 2017 a 11 setembro de 2018
Chery Tiggo 2 é convocado para recall por possibilidade de rompimento do chicote do módulo de controle do motor. Mais de 3,5 mil unidades estão envolvidas.

O Chery Tiggo 2 é um dos SUVs vendidos no Brasil que não possuem controle de estabilidade em todas as versões da linha. Para saber quais são os outros modelos sem o dispositivo de segurança, leia a matéria do AutoPapo.

Tiggo 2

Fabricado em Jacareí (SP), o modelo oferece duas versões: Look, por R$ 59.990, e ACT, por R$ 66.490. O motor do Chery é o 1.5 16V flex capaz de render 110 cv de potência com gasolina e 115 cv com etanol, além de 13,8 kgfm de torque com o primeiro combustível e 14,9 kgfm com o segundo.

Desde a versão de entrada, o Tiggo 2 vem de série com ar-condicionado, vidros, travas e retrovisores elétricos, rodas de liga leve de 16 polegadas, ancoragem Isofix para cadeirinhas, sensores de estacionamento traseiros, sistema de monitoramento da pressão dos pneus e luzes de rodagem diurna em LED.

0 Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Deixe um comentário