Volvo XC40: SUV caçula nasce campeão

Modelo será vendido no Brasil em três versões com preços a partir de R$ 169.950

Por Paulo Eduardo09/04/18 às 15h03

O XC40, SUV compacto da Volvo, foi lançado no fim do ano passado na Europa e começa a ser vendido este mês no Brasil em duas versões: Momentum (R$ 194.950) e a R-Design (R$ 214.950). A versão de entrada (R$ 169.950) a partir de julho. E outra versão equipada com motor 1.5 de três cilindros pode vir a ser importada ainda este ano. É o primeiro modelo da marca sueca controlada pela chinesa Geely a usar a nova arquitetura da marca CMA (Arquitetura Compacta Modular), que será adotada pelos futuros veículos da série 40, inclusive os elétricos. O XC40 faturou no mês passado o título de Carro do Ano na Europa.

O XC40 tem dimensões semelhantes às do BMW Serie 1: 4,42 metros de comprimento; 1,86 m de largura; 1,65 m de altura e 2,70 m de distância entre-eixos. Visual combina robustez e elegância, com predomínio de linhas retilíneas. Capô longo, para-lamas largos e frente semelhante às dos modelos maiores, XC60 e XC90. Faróis direcionais totalmente de LED com dispositivo que evita ofuscamento, e a tradicional luz diurna em formato T do Martelo de Thor.

Volvo XC40 é o menor SUV da marca sueca

Motor é 2.0 turbo de quatro cilindros T4 de 190 cv a 5.500 rpm e torque de 30,6 kgfm entre 1.300 rpm e 4.000 rpm na versão de entrada. E o T5 nas versões Momentum e R-Design com potência de 252 cv e torque de 35,7 kgfm de velocidade máxima, segundo fabricante, é de 230 km/h e o XC40 atinge 100 km/h em 6,4 segundos. Porta-malas tem capacidade para 460 litros. Câmbio automático tem oito marchas.

Tração integral transfere até 50% da potência ao eixo traseiro para melhorar desempenho em piso de pouca aderência. Há diferentes modos de condução, como nos modelos maiores, que privilegiam consumo, conforto, desempenho, fora de estrada e individual permite configuração. Rodas aro 19 da versão Momentum com pneus 235/50 e aro 20 com 245/45 na R-Design.

Volvo XC40 é o menor SUV da marca sueca

Fascínio da marca sueca pela segurança está no SUV compacto. Sistema que freia automaticamente auxiliando o motorista para evitar e reduzir risco de colisão contra veículos, pedestres e animais; outro que ajuda a evitar colisão contra veículos em sentido contrário; alerta de mudança de faixa, proteções em saída de rodovia, contra impactos laterais e na coluna cervical. Além do controle de velocidade adaptativo que freia ou acelera automaticamente, e direção semiautônoma até 130 km/h.

Volvo XC40 é o menor SUV da marca sueca

No interior, as novidades estão nos portaobjetos mais aproveitáveis, com espaço para celular e lixeira removível no console central. Alto-falantes foram retirados das portas para ceder espaço para tablet ou laptop, e substituídos por um subwoofer ventilado a ar montado no painel. Há espaço com trava sob o assoalho do porta-malas.

Conectividade em destaque com tela tátil antirreflexo de 9 polegadas no painel central onde estão reunidos quase todos os comandos, facilitando a ergonomia. Funções diversas são acionadas por comando de voz e quadro de instrumentos numa tela de 12,3 polegadas pode ser configurado. Sistemas de som estão disponíveis com oito e 13 alto-falantes na versão topo.

Para seguir à risca o objetivo que ninguém morra ou sofra lesões graves num Volvo novo até 2020, o carro foi projetado para proteger os ocupantes em capotagem, colisão frontal e lateral, e dissipar a energia nas áreas de impacto. Por isso usa aços de altíssima resistência na carroceria, reduzindo consumo e peso. Mesmo assim, o campeão não é leve: pesa 1.762 kg.

Fotos Volvo | Divulgação

0 Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Deixe um comentário