XC60, utilitário esportivo da Volvo, agora bebe diesel

Modelo mais vendido da marca sueca chega ao mercado brasileiro com motor diesel e destaque para economia, autonomia e segurança

Por AutoPapo21/08/16 às 17h43

O utilitário esportivo XC60, modelo mais vendido pela Volvo no Brasil, respondendo por mais da metade dos emplacamentos da marca, recebeu agora, para linha 2017, o motor movido a diesel: um 2.4, de cinco cilindros, que rende 223 cv a 4.00 rpm e torque de 44,8 kgfm na faixa de 1.500 rpm a 3.000 rpm.

O XC60 D5 2017 começa a ser vendido em duas configurações. A Kinetic (R$ 199.950) e a Momentum (R$ 224.950). Equipado com sistema de tração integral AWD, com tecnologia para no caso de perda de aderência o torque enviado às rodas variar de acordo com a necessidade. A transmissão do SUV é automática Geartronic de seis velocidades, com paddle shift na coluna de direção.

A segurança, marca da fabricante sueca, está bem contemplada no XC60 D5 2017. Oferece de série o City Safety, um sistema de assistência ao condutor para evitar ou reduzir colisões com o veículo da frente em velocidades reduzidas. O sistema aciona os freios quando detecta falta de reação do motorista a uma possível colisão.

XC60 D5 2017 chega ao mercado com motor diesel
XC60 D5 2017 chega ao mercado com motor diesel

Também equipado com seis airbags, controle avançado de estabilidade (ASC), controle dinâmico de estabilidade e tração (DSTC), monitoramento de pressão dos pneus e sistemas de proteção contra lesões na coluna cervical e de impactos laterais. O banco traseiro conta com Isofix para fixação de cadeiras infantis e assentos integrados para crianças. Oferece ainda o Volvo On Call, que oferece assistência 24h, auxílio de emergência e localização, em caso de roubo ou furto, via para smartphone e smartwatch.

Economia no XC60 D5 2017

Apesar de ser um modelo na faixa de R$ 200 mil, a alimentação diesel pode agradar motoristas econômicos. De acordo com aferição do Inmetro, o XC60 D5 consome 9,5 km/l na cidade e 12,4 km/l em estrada. Com um tanque de combustível de 70 litros, o modelo pode alcançar 868 quilômetros de autonomia, em condições ideias de consumo.

A versão mais básica, a Kinetic, vem equipada com banco dianteiro elétrico com memória para o motorista, ar-condicionado digital de duas zonas, função start/stop, espelhos retrovisores elétricos retráteis com desembaçador e memória, faróis de xênon com acendimento automático e controle direcional ativo, luzes sinalizadoras dianteiras de LED, piloto automático, freio de estacionamento elétrico e rodas de alumínio de 18”.

A versão Momentum inclui banco com regulagem elétrica também para o passageiro, painel de instrumentos digital de 8” com três modos de tela, teto solar elétrico, câmera traseira de estacionamento, suporte lombar com regulagem elétrica do assento dianteiro e sistema de navegação por GPS (com mapas em 3D e informações de tráfego em tempo real).

Foto Volvo | Divulgação

0 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Deixe um comentário