Luz do ABS acesa é sinal de que o carro vai ficar sem freio?

A luz acesa pode representar um problema no circuito elétrico; o sistema de freios do carro continua funcionando normalmente

Por BORIS FELDMAN15/06/18 às 09h52

Uma exigência do governo obrigou os automóveis brasileiros a serem equipados com airbags e freios ABS. Entretanto, não se fez nenhuma campanha educativa para esclarecer o motorista e ocupantes do automóvel como funcionam estes dois equipamentos eletrônicos de segurança. O importante era faturar, o resto é irrelevante…

Como nada se explicou, quase nenhum motorista conhece os detalhes do funcionamento do ABS e dos airbags. Esta coluna já recebeu diversas questões sobre o assunto. Uma das que mais aparece é a dúvida do motorista quando se acende no painel a luz de alerta do ABS. Ele fica sem saber se está correndo o risco de perder o freio. Um deles disse que, ao acender o alerta, foi dirigindo bem devagarinho até a oficina e mostrou a luz para o mecânico. Que afirmou não ter problema nenhum, que ele podia continuar rodando mas que deveria levar o carro para o reparo.

A luz do ABS acesa normalmente representa um problema no circuito elétrico. O motorista pode rodar no carro com tranquilidade até que encontre uma oficina de confiança.

O profissional explicou, ainda, que ao se acender, a luz só indica que o sistema eletrônico o ABS deve ter entrado em pane, mas que o carro continua contando normalmente com os freios. Que só exige mais atenção do motorista pois o sistema anti-bloqueio não vai funcionar numa freada de emergência. Ou seja, as rodas vão travar e sair deslizando pelo asfalto.

O ABS é um dispositivo que interfere no circuito hidráulico dos freios ao perceber que as rodas estão se travando quando o motorista pisa com muita força no pedal. Ou num piso molhado, ou com areia ou terra. Então, para evitar que elas se travem, o ABS reduz a pressão do sistema hidráulico.

Então, quando a luz do ABS se acende, pode ser um problema no circuito elétrico que acionou o alerta. Muitas vezes, basta desligar e ligar novamente o carro para que ela se apague.

Mesmo que o sistema esteja em pane e a luz de alerta tenha se acendido corretamente, para avisar ao motorista que leve o carro à oficina, o sistema de freios continua funcionando normalmente. Exatamente como num automóvel que não tenha o dispositivo ABS.

Boris Feldman

Jornalista e engenheiro com 50 anos de rodagem na imprensa automotiva. Comandou equipes de jornais, televisão e apresenta o programa AutoPapo em emissoras de rádio em todo o país.

Boris Feldman

2 Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
  • Orlando Pereira 15 de junho de 2018

    Boa tarde autopsio , tenho um Peugeot 307 eu abastecia só com gasolina aditivada certo dia abasteci com etanol , e não os doze quilômetros ou quinze minutos, o carro deu problema pois o módulo não reconheceu a troca de combustível, agora ele fica com a lâmpada piloto da injeção acesa , o problema é que em determinados níveis que vai ficando o combustível no tanque ela apaga , por tanque cheio ela se mantém acesa um quarto ela apaga , mio tanque ela acende e se mantém com menos de um terço ela apaga e só volta a ficar acesa na reserva de combustível o que pode ser ?

  • Renato mussel 4 de março de 2018

    Sobre a luz do absurdo acender

Deixe um comentário