Adicionar aditivo no radiador de carro que nunca o usou, pode?

O etilenoglicol não danifica o motor e também não tira as sujeiras antigas do sistema de refrigeração do veículo

Por BORIS FELDMAN15/11/18 às 17h00

Adicionar aditivo no radiador de um carro que não utilizou esse produto, provavelmente um usado, deixa muita gente com dúvida. Isso traz algum malefício?

[TRANSCRIÇÃO]

Um leitor do AutoPapo tem a seguinte pergunta: diz ter comprado um carro usado em muito boas condições, direto do proprietário, com quem ele conversou sobre a manutenção. E entre outras, o dono disse que jamais colocou água com aditivo no sistema de refrigeração, no radiador. Ele sempre usou água pura e diz que nunca teve problema.

Nosso leitor então disse que ficou preocupado e pergunta: Eu sei da importância da água com aditivo etilenoglicol para limpar o sistema, para subir o ponto de ebulição, pra dificultar a água de ferver. Mas se o dono anterior nunca usou, eu posso passar a utilizar agora o líquido recomendado no manual, a água com etilenoglicol? E resposta é positiva. Pois o etilenoglicol não é um detergente. Ele não vai remover eventuais e antigas sujeiras, nem fazer nenhum estrago no motor. Pode usá-lo a partir de agora, sem susto.

Aditivo no radiador

Boris Feldman

Jornalista e engenheiro com 50 anos de rodagem na imprensa automotiva. Comandou equipes de jornais, televisão e apresenta o programa AutoPapo em emissoras de rádio em todo o país.

Boris Feldman

0 Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Deixe um comentário