A bateria arria no frio com mais frequência

Dias mais frios podem acabar de arriar aquela bateria que já estava mais-ou-menos

Por BORIS FELDMAN23/03/18 às 14h00

Você já foi deixado a pé quando a bateria arria no frio, como se estivesse esperando a hora para te deixar gelado? Você não é o único.

Não é coincidência que a maioria das baterias pifa exatamente nos dias mais frios. Há dois motivos para isso ocorrer. Em primeiro lugar, quando a temperatura abaixa muito, é mais difícil fazer o motor funcionar pela manhã. Isso ocorre por causa da dificuldade do combustível de se vaporizar e ser queimado dentro do cilindro. Em segundo lugar, por causa do frio, o óleo lubrificante fica mais grosso e viscoso, então o motor tem que fazer um esforço maior para se movimentar.

Isso tudo exige mais energia da bateria, mas, digamos, além do tombo, ainda há o coice! A bateria produz energia elétrica a partir de uma reação química no seu interior e o problema é que, quanto mais baixa a temperatura, mais difícil é de se realizar essa reação química. Então, uma bateria que já estiver começando a dar sinais de mau funcionamento, vai funcionar em um dia quente, mas em um dia frio, ela vai arriar.

bateria arria no frio

Boris Feldman

Jornalista e engenheiro com 50 anos de rodagem na imprensa automotiva. Comandou equipes de jornais, televisão e apresenta o programa AutoPapo em emissoras de rádio em todo o país.

Boris Feldman

2 Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
  • GUILHERME LANA DE CARVALHO 4 de abril de 2018

    Trocar a bateria…

  • Salvador 27 de março de 2018

    O q se deve fazer então?

Deixe um comentário