Consórcio de carros está em alta, mas ainda há risco de golpes

"Um lado positivo do consórcio de automóveis é que seu sistema não cobra juros, apenas uma taxa para a administradora"

Por Boris Feldman18/03/19 às 20h00

O consórcio de carro está em alta no Brasil e é uma boa opção para a nossa realidade. Mas, por outro lado, ele abre margem para picaretagens; veja:

[TRANSCRIÇÃO]

Os consórcios voltaram a crescer e são uma boa opção num país inflacionário e com juros elevados. Se o sistema consorcial tem o seu lado positivo – de não cobrar juros, mas apenas uma taxa que se paga para a administradora -, por outro lado ele dá margem a uma série de PICARETAGENS.

A começar da própria administradora: confira no Banco Central ou na Associação das Administradoras de Consórcios se ela não tem um histórico negativo. Em segundo lugar, cuidado com as promessas dos vendedores. Muitos oferecem o que é impossível, como garantir a entrega do carro em X meses.

E em terceiro lugar, cuidado com essas cotas contempladas entre aspas, ou por problema da própria administradora ou porque aquela cota ainda tem um débito enorme a ser pago pelo consorciado.

Consórcio de automóveis
Avalie o conteúdo:
PéssimoRuimRegularBomExcelente (Seja o primeiro a avaliar)
loadingLoading...
Clique na estrela para avaliar.
Boris Feldman

Jornalista e engenheiro com 50 anos de rodagem na imprensa automotiva. Comandou equipes de jornais, televisão e apresenta o programa AutoPapo em emissoras de rádio em todo o país.

Boris Feldman
2 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
  • Avatar
    Erialdo Ramos - Especialista Consórcio 3 de julho de 2019

    Dicas Importantes para você não ser vítima dos Golpistas ou Péssimos Vendedores (não tem como chamar esses vendedores de PROFISSIONAIS.)

    CUIDADO COM GOLPES! Não existe empresa que aumenta SCORE.

    O QUE É SCORE: É um Sistema de Classificação de Crédito, funciona como uma ferramenta de análise de risco e tem como objetivo auxiliar o agente financeiro no processo de tomada de decisão na concessão de crédito a determinado cliente. No SCORE, o cliente possui uma pontuação, que pode variar de 0 até 1000 Pontos. Essa pontuação demonstra as chances de um determinado perfil de cliente pagar as suas contas em dia pelos próximos 12 meses.

    SCORE – PONTUAÇÃO.
    Até 300 Pontos – Alto Risco de Inadimplência.
    De 301 a 700 Pontos – Médio Risco.
    Acima de 700 Pontos – Baixo Risco.

    A Pontuação do SCORE é baseada, principalmente, no histórico de consumo e pagamento do cliente, adquiridos ao longo do tempo, não existe fórmula mágica ou empresa que aumenta o SCORE do cliente, cuidado com golpes.

    DICAS PARA ELEVAR SEU SCORE: Mantenha seu nome limpo, pague todas as suas contas antes do vencimento, mantenha seu cadastro atualizado nos Birôs de Crédito – Birôs de Crédito coletam, junto a credores e fontes públicas, informações sobre o histórico de crédito do consumidor ou do tomador de empréstimo – Exemplos: Serasa Experian, Boa Vista, SPC Brasil.

    Financiamentos e Consórcio. Não caia em GOLPES!
    1º Ponto: O Vendedor deve deixar claro no anúncio o que ele realmente está vendendo. Desconfie quando o vendedor se recusa a prestar mais informações.

    2º Ponto: Não existe financiamento sem análise de crédito, em todo processo que existe liberação de recursos financeiros de uma instituição em benefício de um terceiro será realizado um processo burocrático de análise. Desconfie de anúncios com promessas de facilidades que fogem ao que é normal em operações que envolvem dinheiro ou bens.

    3º Ponto: É Possível financiar automóveis com o nome sujo? Não, não é possível financiar automóveis com nome sujo. A Instituição Financeira não irá aprovar um financiamento, aumentando, ainda mais, o endividamento de quem, já está com o nome sujo, por não ter conseguido honrar o pagamento de suas contas atuais.

    4º Ponto: É Possível financiar imóveis com nome sujo? Somente para quem, realmente, é muito pobre, pelo programa social do governo, na faixa 1 do MCMV.

    5º Ponto: Posso assumir as parcelas de um financiamento? A Instituição financeira que financiou o bem irá solicitar vários documentos e irá realizar uma análise de crédito do interessado em assumir a dívida para aprovar ou não a transferência do contrato. Não realize nenhum tipo de depósito ou pagamento antecipado para intermediários. Na Dúvida, Desconfie!

    6º Ponto: No Consórcio é proibido fazer promessas de contemplação! A Contemplação pode ocorrer via Sorteios mensais ou via oferecimento de Lance entretanto o vendedor não pode garantir que o Lance, oferecido pelo consorciado, será de fato o Lance contemplado. O Cliente Contemplado só realizará o pagamento do Lance, após, ser notificado pela própria ADMINISTRADORA, que, ele foi contemplado via Lance e o pagamento é feito diretamente para a ADMINISTRADORA.

    7º Ponto: Só compre consórcio, contemplado ou não, de ADMINISTRADORAS AUTORIZADAS PELO BANCO CENTRAL DO BRASIL e sempre, pesquise por reclamações de clientes no site do BANCO CENTRAL e em outros sites, como por exemplo, Reclame Aqui.

    A venda de cota contemplada é uma prática legal e de acordo com as normas do Banco Central, pois nada mais é do que a transferência, de um contrato de consórcio. O risco dessa negociação não está no consórcio, e sim no uso indevido do nome da modalidade por estelionatários para aplicar golpes.

    GOLPE DO CONSÓRCIO CONTEMPLADO:

    Em anúncios publicados nas redes sociais ou em sites de classificados como, por exemplo, OLX e Mercado Livre, os golpistas prometem a liberação do crédito total da carta de crédito contemplada, geralmente, mediante o pagamento antecipado de uma quantia a título de entrada ou um valor qualquer para garantir o seu acesso a essa oportunidade de ouro. O consumidor iludido com as facilidades do negócio acredita que está adquirindo uma cota contemplada de consórcio e o cliente sem o conhecimento adequado do funcionamento do consórcio assina um contrato feito pelos próprios golpistas e realiza o pagamento para não perder essa “oportunidade”, a vítima é orientada pelos golpistas a aguardar até 90 dias para a realização da transferência da carta de crédito para o seu nome. Passado esse tempo, a transferência nunca é realizada, os telefones de contato não respondem e no endereço do escritório dos golpistas o cliente se depara com as portas fechadas. Os Golpistas mudam de cidade para aplicar novos golpes e as vítimas só resta registrar boletins de ocorrência na Delegacia de Polícia e buscar ajuda no PROCON.

    CONSÓRCIO CONTEMPLADO:
    A Pessoa que pretende comprar uma carta de crédito contemplada deve redobrar os cuidados e não acreditar nessas facilidades comumente encontradas em anúncios em redes sociais. EM TODAS AS ADMINISTRADORAS DE CONSÓRCIO, será realizada uma análise de cadastro da pessoa interessada em comprar a carta de crédito contemplada, nos serviços de proteção ao crédito, será analisado a renda e a capacidade de pagamento da pessoa em assumir os pagamentos.

    Obs: A Administradora pode ou não aprovar a transferência do contrato. Portanto, não efetue qualquer pagamento antes da administradora aprovar a transferência do contrato.

    Nesse caso, o consorciado que foi contemplado por sorteio ou lance, transfere seu contrato, com autorização da administradora de consórcios, ao consumidor interessado, que passa a ter direito de utilizar o crédito disponível, bem como assume integralmente as obrigações do consorciado que está sendo substituído.

    Cuidados Importantes:
    ✅ Nunca faça pagamentos antecipados.
    ✅ Solicite os dados da carta contemplada, tais como, nome da Administradora responsável, número da cota e número do grupo.
    ✅ Verifique se a administradora é autorizada pelo Banco Central.
    ✅ Verifique se a administradora é filiada a ABAC – Associação Brasileira das Administradoras de Consórcio. É um bom indicativo.
    ✅ Verifique se existe muitas reclamações contra essa administradora no site do Banco Central e em sites como o Reclame Aqui e analise que tipo de reclamações são essas.
    ✅ Solicite a Administradora a declaração confirmando a condição de contemplação da cota, a data da assembleia que ocorreu a contemplação, o regulamento do grupo, bem como as garantias que deverão ser apresentadas para a utilização do crédito.
    ✅ Solicite a Administradora o extrato da carta de crédito com o valor do crédito e os rendimentos financeiros, quanto foi pago até o momento, quanto ainda falta a ser pago, entre outras informações importantes.
    ✅ Verifique junto a administradora as regras e procedimentos de segurança, específicos da administradora, para que você possa comprar a carta de crédito contemplada com tranquilidade.
    ✅ Antes de assinar o termo de transferência do contrato na sede ou na filial da administradora de consórcios, já que esse procedimento depende de aprovação da empresa de consórcios, leia-o atentamente. Confira também todos os documentos entregues pela administradora e o contrato de participação em grupo de consórcio que está sendo transferido, para conhecer os direitos e as obrigações que você irá assumir.

    Golpe conhecido como Primeirinha e Segundinha.

    Os Golpistas criam anúncios iscas nas redes sociais e em sites de classificados para atrair suas vítimas com anúncios de imóveis ou automóveis com condições especiais, geralmente, com preços bem abaixo do que é praticado no mercado. (Desconfie, não existe pote de ouro no final do arco-íris)

    A Vítima toda entusiasmada liga para o número do anúncio, o suposto proprietário – golpista 1-, muito educado, alega que já vendeu o imóvel e que havia adquirido o imóvel através de um Consórcio que tinha sido contemplado pelo vendedor “Fulano”, uma pessoa maravilhosa e que consegue “um jeitinho” para encaixar a pessoa numa cota contemplada que o consorciado contemplado acabou não pagando ou por qualquer outro motivo está livre e assim o vendedor “Fulano” pode liberar o crédito imediatamente a você e o suposto proprietário – golpista 1 – termina a ligação passando o contato do vendedor “Fulano”.

    Depois de ouvir os melhores elogios e cheio de referências positivas do vendedor “Fulano”, o cliente resolve ligar para o vendedor, que acaba confirmando que de fato conseguiu essa oportunidade para o suposto proprietário – golpista 1 – e adivinha, por incrível que pareça, tem uma oportunidade semelhante e pode também encaixar o cliente nessa condição mediante, é claro, um pagamento adiantado para garantir essa oportunidade.

    Nossa que Sorte em? Na realidade o cliente acabou de cair no golpe conhecido como “Primeirinha e Segundinha” onde o imóvel ou carro anunciado nunca existiu de fato e o suposto proprietário – golpista 1 – “amacia o cliente” e o vendedor golpista 2 “fatia o cliente/fecha o golpe” e o cliente que realizou o pagamento adiantado para garantir essa oportunidade nunca mais verá seu dinheiro e nem terá a propriedade do bem.

    OBSERVAÇÃO: Esse golpe também é realizado com o FINANCIAMENTO, onde o vendedor golpista 2 se passa por gerente de um banco e que mediante o pagamento adiantado de uma determinada quantia pode liberar facilmente um financiamento pré-aprovado e com condições mega especiais para a vítima.

    Não acredite em vendedor de consórcio que promete contemplar sua cota em tempo recorde, geralmente em até 4 meses, todo contrato de consórcio é bem claro quanto a não existência de promessas de contemplação: “Fica reconhecido que não houve nenhum tipo de promessa de contemplação, declarando ainda o consorciado pleno e total conhecimento das formas de contemplações previstas neste regulamento (sorteio ou lance). Fica reconhecido ainda pelo consorciado que não houve nenhum tipo de oferecimento de vantagem extra.”.

    OBSERVAÇÃO: Geralmente o cliente que compra essas “Facilidades oferecidas” é orientado pelo vendedorzinho, para que, no momento em que a ADMINISTRADORA ligar para o cliente, confirmando a compra e questionando se o vendedor fez alguma promessa de contemplação, o cliente minta e negue ter havido qualquer promessa de contemplação. Essa ligação é gravada e depois não adianta reclamar se o próprio cliente em busca de “Facilidades” foi capaz de mentir para a ADMINISTRADORA e assim acabou contribuindo para o sucesso de vendedorzinho que se utiliza de mentiras para vender.

    Veja a seguir os 10 golpes mais comuns na compra e venda de carros. Redobre sua Atenção!

    Se você está pensando em comprar carros, motos ou caminhões… preste bastante atenção neste resumo com os golpes mais comuns que se tem notícia e redobre a sua atenção e sempre desconfie de anúncios com vantagens e facilidades fora da realidade e principalmente, nunca, nunca mesmo, faça pagamentos adiantados sem ter a devida segurança necessária para não ser mais uma vítima dos inúmeros golpistas.

    Vamos aos golpes mais comuns que se tem notícia:

    1 – Carro Fantasma – Gasparzinho.

    Golpistas criam anúncios de veículos com preços abaixo do mercado e condições muito atrativas para atrair ou fisgar as possíveis vítimas. Desconfie de prestações a perder de vista, anúncios que prometem financiamento sem análise de crédito ou financiamento para negativado, taxa de juros muito baixa. É sempre certo que os golpistas irão pedir o pagamento adiantado de algum valor para garantir essas condições ao cliente.

    Quando o cliente entra em contato, os golpistas informam que o veículo está localizado em outro Estado, mas que será entregue em qualquer parte do Brasil sem custo nenhum para o cliente. Para convencer o cliente os golpistas oferecem fotos e vídeos do veículo e até o convidam para ver pessoalmente o veículo.

    No Contato seguinte, o cliente tendo ou não optado por ver o veículo pessoalmente será informado pelos golpistas que o veículo recebeu uma oferta de outra pessoa e que já estão prestes a fechar a venda do veículo.

    E para você não perder o veículo os golpistas solicitam o depósito da entrada ou de algum outro valor e o cliente com medo de perder as “Facilidades” o cliente realiza o pagamento e passado algum tempo descobre que ficou sem carro e sem dinheiro do depósito.

    2 – Carro de Funcionário ou Direto da Fábrica.

    Golpistas criam anúncios em redes sociais ou classificados se passando por parente ou funcionário de alguma montadora e oferecem o veículo com preço até 20% mais barato devido ao desconto oferecido pelas montadoras a funcionários. Os golpistas gravam vídeo uniformizado na frente da fábrica ou marcam encontro próximo ao local para o possível cliente encontrar o pseudo funcionário que estará usando uniforme e crachá falso para gerar maior credibilidade.

    E adivinha, para não perder essa “oportunidade” o cliente deverá realizar um pagamento adiantado na conta do funcionário para que o mesmo faça pessoalmente o pagamento a montadora para obter o desconto para funcionário. O Cliente acaba sem carro e sem dinheiro.

    3 – Veículo Prisioneiro

    Os Golpistas anunciam a possibilidade do cliente comprar, com grandes vantagens, veículos apreendidos por autoridades e que irão a leilão por alguma razão qualquer, os golpistas levam o cliente interessado para uma visita ao pátio onde está localizado o veículo. E Mais uma vez, os golpistas irão solicitar um pagamento adiantado para garantir essas “vantagens especiais” ao cliente. Cliente termina sem veículo e sem dinheiro.

    4 – Consórcio Contemplado – Carta de Crédito Contemplada.

    Os Golpistas criam anúncios com inúmeras “facilidades” para o cliente entrar em um consórcio contemplado ou prometem a liberação da carta de crédito de um consorciado que foi contemplado e por algum motivo não pode ou não quer utilizar a carta de crédito, lógico, mediante o pagamento de uma taxa de transferência ou comissão para o vendedor como se esse fosse possível encaixar alguém no lugar de um consorciado contemplado.

    Ao Consorciado contemplado é permitido por lei vender a sua cota, entretanto, será necessário a aprovação da ADMINISTRADORA DE CONSÓRCIO que fará uma análise de cadastro da pessoa interessada em assumir o contrato.

    Nunca faça nenhum pagamento adiantado!
    Solicite receber diretamente da administradora um e-mail com o extrato da cota e comprovante de contemplação da mesma.

    5 – Veículo Consignado

    Golpistas, geralmente, alugam ou montam lojas de automóveis em alguma cidade e aplicam golpes em pessoas interessadas em vender seus veículos. Os Golpistas entram em contato com anúncios de pessoas que estão vendendo por conta própria e afirmam possui muitos clientes interessados nesse modelo de veículo e acabam convencendo as pessoas a deixarem seus veículos em consignação na loja.

    Os Golpistas, geralmente, aplicam três tipos de golpes:

    – Quando aparece algum cliente interessado no veículo, a loja solicita os documentos do comprador e do proprietário do veículo para aprovação do financiamento onde o bem ficará em garantia em alienação. Posteriormente, a loja informa aos dois clientes que o financiamento não foi aprovado pelo banco e os golpistas acabam embolsando o dinheiro do financiamento e o proprietário do veículo só descobre quando recebe notificação ou quando vende o veículo para um terceiro e no momento de realizar a transferência descobre que o mesmo está como garantia de um financiamento e não pode ser vendido.

    – Os Golpistas vendem o veículo e não faz a transferência para o comprador e acaba ficando com o dinheiro, já para o proprietário do carro os golpistas falam que o carro foi roubado.

    – A loja, utilizando de documentos falsos, vendem o veículo para um terceiro ou em algumas situações acabam vendendo o veículo para desmanches ilegais e alegam para o proprietário que o carro foi roubado.

    6 – Carro FINAN OU Carro NP.

    Carro NP = Não Pago. Os golpistas financiam o veículo utilizando-se de “laranjas” e em seguida criam anúncios de veículos por condições abaixo do mercado. As Parcelas do financiamento nunca serão pagas e portanto nunca poderá ser transferido legalmente e quem comprou poderá ter o veículo apreendido via mandado de busca e apreensão.

    Só aceite vender o seu veículo após o pagamento total e após a transferência do veículo para o novo proprietário. Só compre veículos após verificar toda a documentação e após a devida transferência da propriedade do veículo para o seu nome.

    7 – Carro de Premiação ou Carro de Loteria.

    Uma pessoa humilde ganha um carro numa premiação ou loteria mas que não tem interesse em ficar com o carro, que não sabe dirigir, que não sabe lê ou que precisa voltar para sua cidade natal, fazer um tratamento de saúde etc. O Humilde cidadão oferece o prêmio por uma parcela bem pequena para a pessoa que pensa logo “Nossa me dei bem”.

    É quase certo que outro golpista irá aparecer fingindo conhecer a pessoa humilde que está vendendo o bilhete premiado. Após ouvir a história da venda do bilhete o segundo golpista vai mostrar desejo em comprar mas o primeiro golpista vai afirmar que já ofereceu o bilhete antes e que tem vai cumprir com sua palavra pois é uma pessoa honesta. Resumo da Ópera: A pessoa vai ficar sem dinheiro e sem carro e terá um bilhete falso de lembrança.

    8 – Você acaba de ser Sorteado, Meus Parabéns.

    Seu telefone toca e você é surpreendido com essa boa notícia, que foi sorteado e ganhou um prêmio. Adivinha para você ter acesso ao prêmio você terá que realizar um pagamento adiantado para a documentação ou só terá que pagar o imposto e receber o carro ou ainda o “Sortudo Ganhador” terá 30 minutos para realizar recargas de celular nos números de aparelhos pré-pago que, geralmente, estão localizado em presídios espalhados pelo Brasil.

    9 – O Clone
    Golpe aplicado contra pessoas ou lojas que estão vendendo veículos, o falso cliente, solicita fazer aquele teste drive, dá aquela voltinha no veículo e acaba sumindo com o carro e depois vendendo para um desmanche ou oficina, onde irão cloná-lo e transformá-lo em um carro clonado ou carro dublê. Aqui também entra o carro roubado que é clonado e depois revendido para outra pessoa de boa fé que terá sérias dores de cabeça pela frente.

    10 – Negócio da China
    Desconfie, Desconfie SEMPRE! Sabe aquela história do cara que vende cursos ensinando como ganhar na mega-sena?
    Se a pessoa de fato soubesse como ganhar na mega-sena ele não iria precisar ganhar dinheiro vendendo o curso, né?

    Se a pessoa tem um negócio da China ela irá ela mesma comprar ou no máximo indicar apenas para um amigo ou familiar essa oportunidade de fechar um negócio da China.
    Desconfie Sempre, não existe pote de ouro no final do arco-íris.

    DICAS IMPORTANTES:
    -Nunca entregue seu veículo ou assine qualquer documento de transferência sem a certeza que o valor pago foi devidamente creditado em conta bancária;
    – Evite aceitar depósitos bancários por meio de envelope. Nesse caso, apenas efetue qualquer ato de entrega, após a certificação do crédito dos valores na conta bancária;
    – No caso de compra, nunca deposite valores na conta de estranhos, sem a certeza que é a pessoa autorizada para a transferência veicular;
    – Sempre confirme o crédito das transações via TED, junto a sua instituição financeira antes da entrega do veículo;
    – Certifique-se sempre acerca da existência do veículo. Não confie apenas em fotos repassadas via aplicativos. Em caso de impossibilidade de verificar pessoalmente, peça que alguém de sua confiança certifique a existência do bem, além de verificar de que está negociando diretamente com o proprietário do veículo;
    – Não confie em “prints” de comprovantes de pagamentos encaminhados via aplicativos sem a devida conferência em sua conta bancária.
    – Consulte o RENAVAN do veículo, pesquise toda a documentação, pesquise reclamações do vendedor/loja em sites como Reclame Aqui ou no PROCON, faça uma vistoria no veículo com laudo técnico para ter mais segurança.

    ————————————————————————-
    Erialdo Ramos – Especialista Rodobens Consórcio.
    *
    ————————————————————————-
    *EDITADO

  • Avatar
    César 20 de março de 2019

    Fiz um levantamento da tal taxa de administração cobrada pela operadora de consórcios. A taxa chega a 32% do valor total do bem. Eu achei um grande absurdo.

Avatar
Deixe um comentário