Estepe também expira, ok? Fique atento a data de fabricação

O meu estepe está praticamente novo. Eu posso usá-lo e comprar mais três pneus novos para substituir os quatro usados? Perguntou um ouvinte. E aí, pode?

Por BORIS FELDMAN12/10/18 às 07h30

As aparências enganam. Apesar de aparentar ser novo e ter pouco uso, fique sabendo que o estepe também expira, perde a validade com o tempo.

[TRANSCRIÇÃO]

Ouvinte do AutoPapo diz ter um Fiat Palio 2010, que já rodou mais de 50 mil quilômetros, e que os pneus chegaram ao fim. Ou seja, ele terá de trocar todos os quatro pneus. E a pergunta dele é: “o meu estepe quase nunca rodou, está praticamente novo. Eu posso usá-lo e comprar mais três para substituir os 4 usados?”

E a resposta é não,você não deve usar o estepe. Porque se o seu automóvel é 2010, ele já tem pelo menos sete anos de fabricação. E o prazo de validade de um pneu é de cinco a seis anos, não importa se ele estava rodando, guardado no porta-malas, ou no estoque da loja. Pneu é um item de segurança, é um composto de borracha que expire igual a remédio. Depois de sete, oito anos ele pode aparentemente estar em bom estado, mas o seu destino é o lixo.

Estepe também expira

Boris Feldman

Jornalista e engenheiro com 50 anos de rodagem na imprensa automotiva. Comandou equipes de jornais, televisão e apresenta o programa AutoPapo em emissoras de rádio em todo o país.

Boris Feldman

1 Comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
  • Karlo 12 de outubro de 2018

    Quer dizer que o pneu na natureza demora 500 anos pra se decompor e guardado no porta malas, sem sol e nem chuva dura só 5 anos?
    Isso parece mais uma forma de roubar os donos de carros.

Deixe um comentário