Frentista cobrou mais litros do que consta no manual

Depois que você mandou completar o tanque até a boca, você descobre que os litros registrados na bomba são superiores a capacidade do tanque

Por Boris Feldman07/09/18 às 21h00

Você para no posto e pedi ao frentista para completar o tanque. Após o abastecimento, chega a fatura cobrando uma quantidade de litros maior do que caberia no seu automóvel. Como assim?

[TRANSCRIÇÃO]

Você para no posto para abastecer com o tanque nas últimas, quase vazio, e o frentista completa até a boca, a seu pedido. Aí você percebe que entraram mais litros do que diz o manual, que da a capacidade do tanque como sendo de 55 litros, por exemplo, e lá na bomba está marcando 58 litros. E a sua reação imediata é de que o posto é desonesto e que está te roubando. “Como é que eu vou pagar 58 litros se só cabem 55 no meu tanque? Olha aqui no manual!”

Mas, não tem desonestidade nenhuma e a culpa é sua, porque não se enche o tanque até a boca.Tem mesmo que ficar um espaço vazio correspondente a alguns litros no alto do tanque, para que os gases do combustível sejam dirigidos ao cânister, para serem filtrados e não para subirem para a atmosfera para contaminar o ar que nós respiramos.

FRENTISTA
Foto Shutterstock
Boris Feldman

Jornalista e engenheiro com 50 anos de rodagem na imprensa automotiva. Comandou equipes de jornais, televisão e apresenta o programa AutoPapo em emissoras de rádio em todo o país.

Boris Feldman
5 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
  • Avatar
    Paulo Danilo Duarte Ramos 9 de setembro de 2018

    Eu passei por essa situação e quando a bomba desarmou marcava 48litro e meio, sendo que meu carro e de 48l.eu cheguei no posto com gasolina acima da reserva.para onde foi tanta gasolina.Para mim todos os postos tem fraude

  • Avatar
    Marcelo de Mayo 8 de setembro de 2018

    Depois da bomba desarmar, a pedido do motorista, o frentista abastece manualmente, daí enche ” até a boca”, e nada tem a ver com pilantragem.

    Claro que há postos que se utilizam de pilantragem, mas felizmente isso não é a regra.

    Procure um posto de sua confiança, sempre, e na dúvida, fake com o gerente.

  • Avatar
    Daniel S. 7 de setembro de 2018

    Nada a ver essa resposta!!!!

    Se o tanque encheu até a boca, foi pq a bomba não disparou. Mecanismo esse que já é para eviatr essa situação.

    Se passou 3 litros a mais, a uma grande possibilidade do posto estar roubando sim. Já que o carro em teoria não chegou no prego de gasolina no posto.

    • Avatar
      Marcelo de Mayo 8 de setembro de 2018

      Depois da bomba desarmar, a pedido do motorista, o frentista abastece manualmente, daí enche ” até a boca”, e nada tem a ver com pilantragem.

      Claro que há postos que se utilizam de pilantragem, mas felizmente isso não é a regra.

      Procure um posto de sua confiança, sempre, e na dúvida, fake com o gerente.

  • Avatar
    Michel 7 de setembro de 2018

    Mesmo quando a bomba desarma?

Avatar
Deixe um comentário