DT Clean: gasolina aditivada da Ipiranga

Você sabe se as gasolinas aditivadas, premium e podium ajudam a melhorar o desempenho do seu carro de verdade?

Por Boris Feldman22/03/18 às 17h04

A DT Clean, gasolina aditivada da rede Ipiranga, cumpre o que promete. Limpa o motor e, em consequência disso, melhora sua performance. Mas não vá achando que toda propaganda é assim! As gasolinas com maior octanagem, por exemplo, só aumentam o desempenho de alguns automóveis.

[TRANSCRIÇÃO]

Marcas de gasolina vêm tentando cativar clientes com propaganda enganosa que diz, em geral, que abastecendo com aquela gasolina o motor vai ganhar performance, aumentar a potência. Mas não é bem assim!

Se a gasolina tem maior octanagem, caso da Premium e da Podium, ela pode aumentar a potência e o desempenho de alguns motores, não todos.

Gasolina aditivada limpa o motor e melhora sua performance. A Ipiranga promete exatamente isso quando anuncia sua gasolina DT Clean. Mas, atenção, não caia no conto da gasolina que aumenta potência de motor.

A única que vem anunciando corretamente as vantagens da gasolina aditivada é a empresa Ipiranga. Com a sua DT Clean, ela promete que limpa o motor. Todas as outras gasolinas com os aditivos detergentes e dispersantes fazem o mesmo. A Ipiranga está certa: ela diz que deixa o motor mais limpo e que, por isso, ele vai funcionar melhor.

Está parecendo até propaganda para a marca, mas não é. O áudio é apenas reconhecimento a uma empresa que anuncia corretamente os seu produto. Aliás, quer mais informações? Pergunta lá no posto Ipiranga…

Avalie o conteúdo:
PéssimoRuimRegularBomExcelente (1 votos, média: 4,00 de 5)
Loading...
Clique na estrela para avaliar.
Boris Feldman

Jornalista e engenheiro com 50 anos de rodagem na imprensa automotiva. Comandou equipes de jornais, televisão e apresenta o programa AutoPapo em emissoras de rádio em todo o país.

Boris Feldman
12 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
  • Avatar
    ELCIO PAULO DE SIQUEIRA 6 de maio de 2018

    TENHO UM SANDERO RS 2.0 2017, COLOQUEI ESSA GASOLINA ADITIVADA DO POSTO IPIRANGA, DT CLEAN, O SANDERO VIROU UM JATO TÁ ANDANDO MUITO E GASTANDO MENOS, MUITO TOP, DAQUI PRA FRENTE SÓ POSTO IPIRANGA.

  • Avatar
    Rubisney 6 de maio de 2018

    Nenhuma gasolina vai “limpar”o motor,simplesmente porquê a gasolina só fica na parte do cilindro sempre acima do pistão.Ela jamais irá passar pra parte debaixo do pistão,pois pra isso existe os anéis para impedir a gasolina de descer abaixo dos pistões e impedir o óleo de subir.A gasolina não chega no motor portanto não tem como “limpar” o motor.Ja pensou se a gasilina se misturasse com o óleo do cárter para limpar o motor?

    • Avatar
      Luis 29 de dezembro de 2018

      Esse modo de se referir é para os leigos, pois numa propaganda curta não dá pra ficar explicando que a gasolina mantém o sistema de injeção limpa

    • Avatar
      Renan Toledo 5 de janeiro de 2019

      Boa tarde amigo! Não sei qual tua formação, mas mas tua teoria não se aplica na prática. Um exemplo, carros movidos a GNV não carbonizam o motor, fazendo com que ele permaneça com óleo sempre limpo e este combustível não se mistura com o óleo como você mesmo citou em seu comentário. Se você usar só etanol em seu carro, nunca por gasolina vai acontecer a mesma coisa, o motor não vai carbonizar e consequentemente aumentar sua vida util. Em 2004 eu tinha uma pálio weekend que coloquei gnv e na época o álcool era barato então eu usava só gnv e etanol, vendi ela com 380.000km em 2009, com o motor completamente limpo, óleo transpatente como novo. Acredito que essa seja a proposta da Ipiranga, um combustível que não carbonize o motor, então com o tempo seu motor vai descarbonizando promovendo uma limpeza, mas pra saber só testando…Estou fazendo o teste no Voyage zero km que comprei este ano…Só uso DTClean e Gnv…daqui a um ano saberemos se é realidade ou mais uma propaganda enganosa.

      • Avatar
        Dharles Soares Ferreira 4 de fevereiro de 2019

        Parabéns excelente resposta, realmente o tipo de combustível influência sim na carbonizacao ou não do motor.

      • Avatar
        Laerte 21 de março de 2019

        Já passou o prazo de você comentar sobre o resultado.

  • Avatar
    Mario 10 de dezembro de 2018

    Eu tenho um Classic VHCE 2011, troquei de alcool para a gasolina DT Clean em posto que eu sou cliente há mais de 10 anos e que se bandeirou Ipiranga na greve dos caminhoneiros de maio deste ano, antes de ser bandeirado eu colocava no posto, geralmente era gasolina aditivada da ALE e BR, fazia a troca de combustível e rodava os 70 km para ir a minha casa e não falhava o carro no dia seguinte de manhã, aliás nem falhava, fiz o mesmo, coloquei 47 litros de DT Clean e rodei um total 240km, sendo 200km de estrada e 7 com 18,6 litros, dando media de inferior a 14 km/l, diferente do das outras, depois enchi o tanque de DT Clean para fazer media, depois mais 8 litros, e com dificuldade de pegar o carro, só pegava com o acelerador até o fundo na quarta ou quinta vez, por fim coloquei 7,5 litros de v power,a partida agora ao pisar no acelerador pega de primeira e foi rodado 27 km depois disso sem o ponteiro do marcador de combustível, o que acha?

    • Avatar
      Gabriel Lemes 4 de abril de 2019

      Olá tenho uma Lander 250, sei que estão falando de carros… Mas tenho usado a Vpower de forma contínua pelos últimos meses e sim há uma melhora de performance devido aos aditivos, e não sei se é conversa dos frentistas mas a propaganda que me fizeram da primeira vez que abasteci era que a V-power tinha maior percentual de gasolina. Não sei se são apenas os aditivos mas pra sair do posto a moto já saí suave, já abasteci em outros lugares onde a moto parecia estranha após abastecer, você sente diferença ao acelerar ao ver a resposta ou ausência de resposta do motor ao acelerar. Com a V-POWER a moto fica mais esperta, além sim de notar um rendimento maior, no qual da pra rodar mais. Finalizando meu comentário vale a pena sim colocar uma gasolina diferenciada no seu veiculo, e dependendo da escolha que fizer poderá sim na minha opinião ter uma melhora de desempenho seguindo a lógica sim da DT Clean.

  • Avatar
    frederico dom bosco moni 12 de dezembro de 2018

    Tenho um Santana 1.8 ano 98 com 225.000 km e de vez em quando eu usava aditivada e agora passei a usar com constância. Isto pode gerar algum tipo de problema no motor?????????????????

  • Avatar
    Victor 19 de março de 2019

    Tenho um Honda com 65 mil rodados. Sempre tomei bastante cuidado com ele, mas existe suspeita de carbonização. Há barulhos vindos do motor, bem baixos que se ouvem apenas em rotações próximas da marcha lenta e de noite. Sempre usei álcool, e de qualquer posto. Confesso que não sabia que álcool também poderia ser adulterado. Agora estou usando DT CLEAN. Antes de envia-lo ao mecânico, para ver o resultado e confesso de logo de imediato já senti diferença no computador de bordo. Vamos ver.

    • Avatar
      ERIKA MOTA LIMA 31 de março de 2019

      Tenho um Fit devido o uso de qualquer combustível de qualquer posto, e uso de álcool por ser o mais conta. Deu problemas na injeção eletronica e precisei trocar as velas. Agora só abasteço com gasolina e no Ipiranga com aditivada.

  • Avatar
    Paulo Henrique c degani 10 de abril de 2019

    eu coloquei essa gasolina Dr clim hoje na Minha moto e ficou um lixo a moto fica dando uns estouro tem hora que morre que porcaria esta gasolina nunca mais eu coloco esses lixos de combustível nas minhas motos da vontade de meter no pau esses dono de postos

Avatar
Deixe um comentário