Internet volta com boato sobre CNH

Por BORIS FELDMAN07/08/16 às 14h07

Internet é boa fonte de informações. Mas costuma divulgar também uma pilha de besteiras, o que até afeta sua credibilidade. Mas, afinal, qualquer um tem o direito de postar a mentira que bem entender e não há critério de seleção nem controle de veracidade! Uma coisa é jornalismo digital, outra é a internet como canal de comunicações inverídicas.

O setor dos automóveis é um dos preferidos para a divulgação de besteiras, pois carro é um bem de alto valor e os custos de sua manutenção são quase sempre elevados. E as besteiras preferidas são as que mais assustam o dono do carro. É curioso como estas “informações” circulam em ondas: aparecem algumas vezes vindas dos cantos mais variados (como aquelas “correntes de dinheiro”…) depois somem e tomam rumo ignorado. De repente, olha a mesma besteira voltando…

A mais recente que voltou a pintar na minha tela é relativa ao vencimento da carteira de habilitação. Ela diz que, se o motorista deixar passar 30 dias depois da data em que perdeu a validade sem renová-la, ele perde todos os seus direitos e é obrigado a começar tudo de novo: fazer o curso na auto-escola e se submeter aos exames do Detran.

Nada disso e muito antes pelo contrário. O que estabelece o código é até de dar uma “colher de chá” pois, ao vencer, o motorista ainda tem o prazo de 30 dias para continuar dirigindo. Ou seja, ainda não está cometendo nenhuma infração e não pode ser autuado por isso.

Durante este mês, ele deve providenciar a renovação da CNH, o exame e a tramitação burocrática. Caso ele tenha perdido este prazo, poderá então ser autuado e ter sua carteira apreendida. Mas, mesmo neste caso, ele ainda poderá, a qualquer momento, renová-la sem que tenha perdido nenhum direito nem tenha de se começar tudo de novo. Isso não passa de conversa para boi dormir… ou assustar motorista relaxado!

Boris Feldman

Jornalista e engenheiro com 50 anos de rodagem na imprensa automotiva. Comandou equipes de jornais, televisão e apresenta o programa AutoPapo em emissoras de rádio em todo o país.

Boris Feldman

0 Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Deixe um comentário