Cuidado na hora de limpar o motor do seu automóvel

Por BORIS FELDMAN28/04/18 às 07h25

Lavar o motor pode trazer enormes prejuízos para o proprietário do automóvel. Se você gosta de deixar tudo limpinho, siga o plano B indicado pelo Boris.

[TRANSCRIÇÃO]

Sábado foi eleito o dia nacional do brasileiro lavar o automóvel. Nenhum problema, exceto aqueles que adoram abrir o capô e lavar completamente o motor e a região próxima, para deixar tudo limpinho e brilhando. Como? Esguichando muita água, o que não é nem um pouco recomendável. Porque água sob pressão na região do motor pode provocar danos irremediáveis na eletrônica e no seu saldo bancário.

Ao contrário de 20 e 30 anos atrás, a região do motor está repleta de módulos, relés e outros componentes eletrônicos, inclusive a famosa central eletrônica. Porque basta entrar algumas gotas de água na sua parte interna pra ela ter alguns de seus componentes oxidadas, e o efeito não é imediato. O processo de ferrugem pode ser um pouco lento e o carro só deixa de funcionar daí alguns dias, e nem precisa lembrar o custo de uma central eletrônica, não é? Motor, deixa sujo mesmo. Mas se você insiste em tê lo limpinho nada de jogar água. Faça uso, no máximo, de um pano umedecido.

Lavar o motor pode trazer enormes prejuízos

Boris Feldman

Jornalista e engenheiro com 50 anos de rodagem na imprensa automotiva. Comandou equipes de jornais, televisão e apresenta o programa AutoPapo em emissoras de rádio em todo o país.

Boris Feldman

0 Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Deixe um comentário