Motor de carro zero-quilômetro ainda precisa ser amaciado?

Antigamente, os próprios fabricantes recomendavam que o motor fosse pouco exigido até atingir certa quilometragem: atualmente, ainda há essa necessidade?

Por Boris Feldman18/10/19 às 08h30

Um leitor do AutoPapo acaba de comprar seu primeiro carro zero-quilômetro. Mas ele ficou sem saber se deve ou não amaciar o motor nos primeiros cinco mil quilômetros, pois recebeu dicas divergentes nesse sentido, o que é fácil de explicar.

Isso porque o pessoal das gerações mais antigas eram instruídos pela própria fábrica para não acelerar muito, não abusar do carro nos primeiros cinco mil quilômetros. Mas essa prática caiu por terra com as evoluções tecnológicas, o que não quer dizer que já se pode pegar um carro zero quilômetro se sair pisando fundo por aí.

Pois o correto é maneirar nos primeiros 500 quilômetros por três motivos: para permitir um bom ajuste entre as partes móveis do motor e também entre os componentes do sistema de freios. E, finalmente, só depois de um primeiro pequeno desgaste é que os pneus terão um bom atrito com o asfalto, garantindo máxima aderência em qualquer situação.

motor carro novo shutterstock
Avalie o conteúdo:
PéssimoRuimRegularBomExcelente (2 votos, média: 5,00 de 5)
loadingLoading...
Clique na estrela para avaliar.
Boris Feldman

Jornalista e engenheiro com 50 anos de rodagem na imprensa automotiva. Comandou equipes de jornais, televisão e apresenta o programa AutoPapo em emissoras de rádio em todo o país.

Boris Feldman
1 Comentário
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
  • Avatar
    Hélcio Velasco 18 de outubro de 2019

    Melhor seguir o que diz o manual do carro.

Avatar
Deixe um comentário