Posso misturar óleos de marcas diferentes no motor?

Ouvinte questionou se na hora da troca do óleo do motor, ele pode usar produtos de marcas diferentes. E aí, tem algum problema nisso?

Por BORIS FELDMAN07/08/18 às 06h30

Misturar óleos de marcas diferentes no motor deixa muita gente confusa e apreensiva. Principalmente para as pessoas que estão sempre efetuando essa troca em estabelecimentos diferentes.

[TRANSCRIÇÃO]

Ouvinte do nosso AutoPapo diz que seu carro é uma ferramenta de trabalho. Ele viaja milhares de quilômetros por mês e, quando chega a hora da troca do óleo do motor, cada vez ele está numa cidade diferente, num posto diferente. Ele quer saber se mantendo as características originais de viscosidade e aditivação, que vem na embalagem do óleo, como SAE ou API, se ele pode mudar a marca toda vez que faz essa troca.

A recomendação é de se manter a marca. Até porque os aditivos mais agressivos de uma podem remover os resíduos que ficaram no cárter. E, além disso, troca de óleo não se faz toda semana e não são tantos litros assim de cada vez. De modo que ao sair para uma longa viagem, não custa nada levar no porta-malas o óleo necessário para a próxima troca. Lembre-se: a melhor marca de óleo é aquela que já vinha sendo utilizado no motor.

Misturar óleos de marcas diferentes

Boris Feldman

Jornalista e engenheiro com 50 anos de rodagem na imprensa automotiva. Comandou equipes de jornais, televisão e apresenta o programa AutoPapo em emissoras de rádio em todo o país.

Boris Feldman

1 Comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
  • Naldo 19 de agosto de 2018

    Gostaria de saber sobre a injeção do pegoult 206 1.4

Deixe um comentário