Sandero RS é ‘hot-hatch’ para quem gosta de esportividade

Obviamente, o Sandero RS não vai andar na frente de Ferrari, mas, para quem tem prazer ao dirigir, é o esportivo mais em conta do mercado

Por Boris Feldman16/01/20 às 08h30

Se você tem prazer ao dirigir, gosta de um carro, digamos, um pouco mais nervoso, com um bom desempenho, mais ágil, que acelera mais rápido, estável nas curvas, enfim, com um conjunto harmonioso e confiável, você imediatamente pensa que com menos de R$ 150 mil não dá para comprar nada nesse estilo. Ledo engano, dá sim: chama-se Renault Sandero RS.

Por R$ 70 mil, o Sandero RS oferece um motor dois litros de 150 cavalos. Ele vai de zero a 100 em incríveis oito segundos, tem câmbio manual de seis marchas, suspensão muito bem recalibrada e freio a disco nas quatro rodas.

Não é um carro de corrida e nem vai andar na frente de Ferrari. Mas como tesão de automóvel, é disparado a melhor relação custo-benefício do mercado. Veja mais sobre o ‘foguetinho’ da Renault acessando aqui.

sandero rs 2020 renault

Renault | Divulgação

Boris Feldman

Jornalista e engenheiro com 50 anos de rodagem na imprensa automotiva. Comandou equipes de jornais, televisão e apresenta o programa AutoPapo em emissoras de rádio em todo o país.

Boris Feldman
0 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Deixe um comentário