Audi TT RS 2020 é lançado e mantém motor de 400 cv

Esportivo alemão já está à venda na Europa nas versões cupê e roadster, que receberam pequenos retoques no visual

Por AutoPapo08/02/19 às 17h30

O Audi TT RS 2020 foi lançado, esta semana, na Europa. O novo modelo mantém a mesma motorização que o anterior, entregando 400 cavalos de potência. As mudanças ficaram por conta de retoques comedidos no visual – como era de se esperar.

Audi TT RS 2020 já está à venda na Europa nas versões cupê e roadster, que receberam pequenos retoques no visual, mas mantêm motor do modelo anterior.

No exterior, as maiores mudanças foram feitas na dianteira do carro que, segundo a marca, foi “totalmente redesenhada”. Para os olhos pouco treinados, contudo, pode parecer que nada mudou no esportivo, que já tem uma legião de fãs do jeito que é.

Entre os retoques no Audi TT RS 2020, as aberturas de ar no para-choques ficaram maiores. Na traseira, o aerofólio é novo e a iluminação é de LED. No interior, foram poucas mudanças, que incluem a opção de console central e lateral na mesma cor que a carroceria.

A novidade já está sendo vendida na Europa, nas configurações cupê e roadster (conversível) pelos preços de R$ 286.127 (EUR 67.700, em conversão direta) e R$ 297.961 (EUR 70.500, em conversão direta), respectivamente.

Motor do Audi TT RS 2020 entrega 400 cavalos

O já conhecido motor, que permanece no novo TT RS, é um 2.5 TFSI de cinco cilindros. Ele entrega 400 cavalos de potência e 49 kgfm de torque. Com ele, o esportivo chega aos 100 km/h em 3,7 segundos. A transmissão é automática de sete velocidades.

O torque máximo está disponível entre as 1.950 e 5.850 rpm, e a velocidade máxima é de 250 km/h, limitada eletronicamente. Também há uma opção que permite ao veículo alcançar 280 km/h.

A tração do Audi TT RS 2020 é do sistema “quattro”, desenvolvido pela fabricante. Com ele, a tração integral é distribuída para as rodas de forma permanente. A força também é regulada eletronicamente, e chega com maior ou menor impacto a depender da necessidade de cada eixo, independentemente.

Os equipamentos eletrônicos que comandam o veículo também permitem que ele ofereça diferentes modos de condução para o motorista. A depender do modo selecionado, a resposta de alguns componentes do esportivo será diferente, como o volante, a transmissão, o motor e o exaustor. Os modos de condução disponíveis são comfort, auto, dynamic e individual.

Imagens Audi | Divulgação

Avalie o conteúdo:
PéssimoRuimRegularBomExcelente (1 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...
Clique na estrela para avaliar.
0 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Deixe um comentário