Protótipo da Nissan, BladeGlider une potência a ecologia

Veículo tem visual futurístico, banco do motorista em posição central, dois motores elétricos, chega a 100 km/h em cinco segundos - e funciona

Por AutoPapo04/08/16 às 16h15

A Nissan apresentou ontem, no Rio de Janeiro, o BladeGlider, um protótipo de esportivo totalmente elétrico. A novidade renova os desafios no (ainda) escasso cenário de veículos que unem performance ao ecologicamente correto. O design também chama a atenção, com uma configuração exótica para a cabine e portas de abertura diédrica.

BladeGlider tem visual futurístico, banco do motorista em posição central, dois motores elétricos, chega a 100 km/h em cinco segundos - e funciona.
(Nissan/Divulgação)

Batizado de BladeGlider, o modelo futurístico é equipado com dois motores elétricos de 130kw. Cada um deles se conecta a uma das rodas-motrizes, na traseira, o que torna o protótipo surpreendentemente possante para um elétrico. De acordo com release da Nissan, ele ultrapassa 190km/h, alcançando os 100km/h em 5 segundos.

Anteriormente, uma versão inicial do modelo, em formato de conceito, já havia sido sido exibida em Tóquio, em 2013. Agora, vemos uma versão funcional do veículo, que ofereceu passeios de demonstração durante os eventos da Olimpíadas, no Rio de Janeiro. A marca também divulgou um vídeo do BladeGlider nas pistas em seu perfil no Instagram.

O propulsor foi desenvolvido pela inglesa Williams Advanced Enginnering, parceira da Nissan, e conta com 268cv de potência e 72kgfm de torque. Ao redor dele, uma carroceria de linhas arredondadas, cheia de promessas de aerodinâmica. A cabine é aberta, com barras que cruzam o teto e complementam a geometria do veículo, além de servirem de proteção.

Abaixo delas, a carroceria conta com espaço para três ocupantes – o banco do motorista tem posicionamento central, alinhado aos dois bancos traseiros em disposição triangular. Por fim, as portas com abertura diédrica completam o visual, colaborando com a sensação sci-fi que o BladeGlider causa. Ainda assim, ele parece real o bastante para nos deixar sonhando com o dia em que a Nissan terá veículos semelhantes em sua linha de produção.

0 Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Deixe um comentário