Carros esportivos: veja as 5 novidades mais loucas de Genebra

Embora o evento tenha sido cancelado, as novidades não deixaram de ser expostas - confira os carros mais loucos do Salão de Genebra 2020

Por AutoPapo 08/03/20 às 10h00

O Salão do Automóvel de Genebra é considerado o evento mais sofisticado do gênero no mundo. Apesar de a edição deste ano ter ficado restrita ao âmbito virtual devido ao coronavírus, essa tradição de requinte se manteve. Tanto que, entre as novidades, há vários carros esportivos, ou melhor, superesportivos, que representam o ápice da engenharia automotiva.

O listão da vez é sobre design e potência, muita potência: enumeramos os 5 carros esportivos mais fantásticos do Salão de Genebra. Acelere essas máquinas com a gente!

VEJA TAMBÉM:

Os 7 carros esportivos mais fantásticos do Salão do Automóvel de Genebra 2020

1. Koenigsegg Gemera

koenigsegg gemera
Não se engane pela cilindrada aparentemente modesta do Gemera (Koenigsegg | Divulgação)

A sueca Koenigsegg é famosa por produzir artesanalmente alguns dos superesportivos mais rápidos do mundo. O Gemera adiciona novos elementos a essa fórmula. Para começo de conversa, tem propulsão híbrida: é equipado com três motores elétricos e um 2.0 turbo a combustão.

Não se engane pela cilindrada aparentemente modesta para a proposta: juntas, as unidades desenvolvem assustadores 1.700 cv de potência. Essa verdadeira cavalaria consegue levar o supercarro da imobilidade aos 100 km/h em apenas 1,9 segundo e a uma velocidade máxima superior a 400 km/h.

Outra característica incomum em um Koenigsegg é a carroceria de quatro lugares. Mas nem isso faz o Gemera parecer convencional, até porque o acesso ao interior se dá por meio de duas enormes portas ao estilo tesoura. Tanto estilo e desempenho, claro, têm um preço: o modelo custa US$ 1 milhão e só terá 300 unidades fabricadas.

2. Carros esportivos: Pininfarina Battista

pinninfarina battista carros esportivos eletricos
Primeiro modelo do estúdio de design parceiro da Ferrari, Pininfarina, já chegou mais potente que um Bugatti (Pininfarina | Divulgação)

Vários dos carros esportivos mais icônicos do mundo foram projetados pelo famoso estúdio de design Pininfarina. Em Genebra, a marca foi além e apresentou um bólido próprio: o Battista. Trata-se de um bólido totalmente elétrico, com quatro motores (um para cada roda) capazes de gerar 1.900 cv de potência e 234,5 kgfm de torque.

Com tanta força, o supercarro é o mais rápido já feito na Itália. Segundo o fabricante, ele gasta menos de 2 segundos para acelerar de 0 a 100 km/h. Já a velocidade máxima é de 350 km/h. O nome é uma homenagem a Giovanni Battista “Pinin” Farina, que fundou um negócio de fabricação de carrocerias há exatos 90 anos em Turim, na Itália.

A menção ao passado é, na verdade, uma aposta para o futuro: a empreitada de fabricar um superesportivo caberá a uma nova empresa do grupo italiano, batizada de Automobili Pininfarina. Vale lembrar que o estúdio de design pertence, já há alguns anos, à indiana Mahindra. O plano dos mecenas do projeto é fabricar 150 unidades do modelo ainda em 2020 e vendê-las por US$ 2 milhões cada.

3. McLaren 765 LT

carros esportivos mclaren 765 lt
McLaren 765 LT tem escapamento em titânio e rodas em liga forjada (McLaren | Divulgação)

A novidade da McLaren para Genebra não é exatamente inédita, e sim uma derivação do modelo 720 S. Nem por isso ele deixa de ser impressionante: afinal, graças a aperfeiçoamentos em relação ao modelo original, o desempenho é ainda melhor. A aceleração até 100 km/h ocorre em em 2,7 segundos e a velocidade máxima é de 330 km/h.

O desempenho é creditado não só ao motor 4.0 V8 biturbo de 765 cv de potência e 81,6 kgfm de torque, mas também a um pacote de melhorias aerodinâmicas e alívio de peso. A sigla LT, inclusive significa Long Tail (em português, cauda longa), uma alusão à traseira alongada com um aerofólio dinâmico em fibra de carbono. Esse mesmo material é aplicado ainda a bancos e a outros componentes.

No mais, o bólido traz escapamento em titânio e rodas em liga forjada, tudo para torná-lo o mais leve possível. O regime de emagrecimento é tão severo que o modelo não traz sequer ar-condicionado e sistema de som, embora ambos os equipamentos possam ser adquiridos à parte se o proprietário fizer questão. Mas o barato é entrar na onda dos carros esportivos raiz e desfrutar da máxima performance do McLaren 765 LT.

4. Carros esportivos incluem novo Porsche 911

carros esportivos porsche 911 turbo s 2020
Novo 911 consegue alcançar 100 km/h em apenas 2,6 segundos (Porsche | Divulgação)

Entre as máquinas mais possantes do Salão de Genebra 2020, também estava um novo Porsche 911, que vem se tornando cada vez mais potente. A novidade da vez é a versão Turbo S da oitava geração do modelo.

Nela, o valentão chega a 650 cavalos de potência máxima e absurdos 81 kgfm de torque. Com isso, o Porsche 911 Turbo S consegue alcançar 100 km/h em apenas 2,6 segundos.

5. Bugatti Chrion ganha nova versão

carros esportivos bugatti chrion pur sport
Bugatti Chiron Pur Sport melhorou o que já era ótimo (Bugatti | Divulgação)

Atual detentor do disputado título de carro mais veloz do mundo, o Bugatti Chiron ganhou uma nova versão. A Pur Sport perdeu 19 quilos se comparado à versão “normal”.

Embora o motor seja o mesmo 8.0 de 16 cilindros em W com 1.500 cv de potência, o rei dos carros esportivos recebeu melhorias. A transmissão é nova, automática de sete velocidades, e a relação entre marchas foi retrabalhada.

Entre outras otimizações, o Chiron Pur Sport quer ser mais “controlável” nas curvas e mais aerodinâmico.

0 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Deixe um comentário