Uso de celular na França é proibido até mesmo com carro parado

Mudança na lei busca desencorajar uso do aparelho no trânsito

Por AutoPapo12/02/18 às 15h00

O governo da França acaba de tomar uma decisão que pode ser considerada polêmica para combater o uso do celular ao volante. O país passará a proibir o manuseio do aparelho até mesmo para motoristas de veículos que estejam parados. A decisão foi o resultado de um recurso movido por um condutor multado pela prática.

o uso de celular na frança foi proibido até mesmo para motoristas em veículos parados

Segundo noticiou o site CNET, o país tem como objetivo desencorajar motoristas a usarem celulares no trânsito. Antes da mudança, as leis da França eram semelhantes às do Brasil: era proibida a utilização do celular durante a condução de veículos, recomendando-se que o motorista encostasse o carro, saindo da via, para atender ou fazer ligações; ou ainda enviar mensagens de texto.

Agora, o país europeu foi além para proibir o uso do aparelho, mesmo que o motorista encoste o veículo. No entanto, há exceções para a rigidez da nova regra: o condutor pode utilizar o telefone celular se estacionar o carro em vagas designadas ou em vagas comuns fora da pista de trânsito.

Também serão perdoados os motoristas que fizerem uso de equipamentos veiculares para pareamento de celular que ofereçam a possibilidade de se manter as mãos livres.

Já os condutores franceses com carros menos equipados, e que não consigam superar a necessidade de se comunicar, estarão sujeitos a uma multa de € 135 (R$ 543,04 em conversão direta) e penalização de três pontos na carteira. Esta é a mesma sanção aplicada aos motoristas que forem pegos usando o celular enquanto dirigem.

A decisão de mudar a legislação de trânsito na França foi resultado de um recurso movido por um condutor, ainda segundo o CNET. O motorista em questão havia sido multado depois de fazer uso do celular dentro de um veículo estacionado em uma rotatória com as luzes de alerta acesas.

O uso de celular no trânsito tem sido considerado uma grande ameaça à segurança por especialistas em todo o mundo por contribuir com a distração do motorista. O fator é considerado uma das maiores causas de acidentes. Um estudo do órgão norte-americano de segurança no trânsito, NHTSA (National Highway Traffic Safety Administration), contabiliza que 3.477 pessoas morreram no país devido à distração, apenas em 2015.

1 Comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
  • Carlos Roberto Ferreira da Silva 14 de Fevereiro de 2018

    Precisamos envolver também as empresas de celulares no processo educativo.

Deixe um comentário