Honda City 2018 tem preços entre R$ 61 mil e R$ 83,4 mil

Sedã passou por facelift e ganhou novos equipamentos, mas continua sem equipamentos como controles de estabilidade e tração

Por AutoPapo 01/02/18 às 17h36

A Honda anunciou os preços do City 2018: o valor das cinco versões variam entre R$ 60,9 mil e R$ 83,4 mil. O sedã passou por facelift e ganhou novos equipamentos, mas continua sem controles de estabilidade e tração (ESC).

Os equipamentos não são ofertados nem mesmo como opcionais na versão top de linha. Estranhamente, os dois dispositivos estão disponíveis no monovolume Fit.

Preços do Honda City 2018

Versão preço
DX R$ 60,9 mil
Personal 68,7 mil
LX R$ 72,5 mil
EX R$ 77,9 mil
EXL  R$ 83,4 mil
Honda City 2018 continua sem controles de estabilidade e tração

Design

O City 2018 teve os para-choques dianteiro e traseiro redesenhados. Na frente, a grade mudou. Os faróis também são novos e trazem luzes de rodagem diurnas em LED integradas de série, em todas as versões.

Na top de linha, eles são do tipo full-LED, ou seja, tanto no facho alto quanto no baixo. Na traseira, a partir da LX, as lanternas tem guias em LED.

Em todas as versões, o Honda City 2018 traz itens de série como:

  • ar-condicionado (manual nas versões DX, Personal e LX, e digital sensível ao toque na EX e EXL);
  • sistema de som com Bluetooth e entrada USB;
  • direção elétrica; e
  • acionamento elétrico para travas das portas e vidros (com sistema de um toque) das quatro portas.
Honda City 2018 continua sem controles de estabilidade e tração

Segurança no Honda City 2018

Quanto aos dispositivos de segurança, as configurações EX e EXL adotaram airbags laterais entre os equipamentos padrões.

A top de linha traz ainda uma nova central multimídia de sete polegadas que traz navegador integrado e conectividade com o sistema Apple CarPlay e Android Auto.

Honda City 2018 continua sem controles de estabilidade e tração
Chevrolet Cobalt (Foto Chevrolet | Divulgação)

Mecânica do City 2018

Não houve qualquer mudança no powertrain da linha. O motor continua sendo o 1.5 que gera 116 cv de potência a 6.000 rpm e 15,3 kgfm de torque a 4.800 rpm – quando abastecido com gasolina, são 115 cv a 6.000 rpm e 15,2 kgfm a 4.800 rpm.

A versão de entrada DX tem transmissão manual de cinco marchas. Todas as configurações do Honda City têm câmbio automático do tipo continuamente variável (CVT).

Fotos Honda | Divulgação

0 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Comentários com palavrões e ofensas não serão publicados. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Avatar
Deixe um comentário