CNH digital ficou mais fácil de validar

Desde que o documento do motorista tenha QR Code, basta baixar o aplicativo e fazer uma verificação de identidade, usando a câmera do telefone

Por Laurie Andrade09/01/19 às 15h09

Desde 2017, a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) está disponível digitalmente. O problema, no entanto, era que a validação do documento eletrônico, que possui o mesmo valor jurídico de sua versão impressa, era complexo. Recentemente, o Ministério das Cidades simplificou o processo para baixar e certificar a CNH Digital.

A novidade, lançada em conjunto com o Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) e o Serpro, fez com que não houvesse mais a necessidade do comparecimento ao Departamento de Trânsito (Detran) e do uso de certificado digital.

Agora, para ter acesso ao documento eletrônico, é necessário ter a CNH com QR Code (emitida a partir de maio de 2017), fazer o download do aplicativo “Carteira Digital de Trânsito (CDT)”, disponível gratuitamente na Google Play e App Store, e se cadastrar biometricamente com a câmera do celular.

O aplicativo reconhece o rosto do usuário da CNH digital e, para garantir que ele é mesmo quem está sendo identificado, pede uma “prova de vida”. O teste consiste apenas em realizar alguns movimentos com o rosto, como piscar os olhos direito e esquerdo separadamente.

Não é mais preciso ir ao Detran para validar a CNH Digital | Divulgação

Não é mais preciso ir ao Detran para validar a CNH Digital | Divulgação

Como obter a CNH Digital

  • Faça o download do aplicativo Carteira Digital de Trânsito (CDT);
  • Faça o cadastramento no aplicativo;
  • Ative o cadastro clicando no link “ativar”, recebido por e-mail;
  • Faça login no aplicativo e clique em “adicionar documento”, que será a CNH Digital.
  • Depois, escolha entre as opções: “pelo celular”, “com certificado digital” e “sem certificado” (comparecimento ao Detran).
  • Se a opção for “pelo celular”, use o celular para ler o QR Code e depois faça a “prova de vida”, um movimento físico, lido pela câmera do telefone.
  • Confirme a validação e informe o número de telefone celular.

Passos realizados, será disponibilizada a CNH Digital no seu dispositivo móvel.

O aplicativo vai pedir, ainda, para o usuário criar uma senha de quatro dígitos, uma chave de acesso que deverá ser digitada toda vez que o documento digital for utilizado. A CNH Digital poderá ser acessada pelo dispositivo móvel mesmo off-line, ou seja, sem internet.

Se a bateria do celular acabar e o motorista só estiver portando a versão digital, pode pagar uma multa de R$ 88,38 e perder três pontos na carteira.

Hoje, mais de 26 milhões de brasileiros possuem o documento com o código de barras bidimensional (QR Code), mas apenas 620 mil documentos digitais foram emitidos em todo o país.

De acordo com o ministro das Cidades, Alexandre Baldy, a inovação da CNH Digital vai estimular ainda mais a procura pelo documento digital. “A necessidade de atendimento presencial era uma exigência que limitava a procura do cidadão pelo documento digital. Nem todos os motoristas tinham tempo para ir a um posto de atendimento do Detran. Mas, agora, ficou muito mais rápido e prático, facilitando a vida das pessoas”, destaca Baldy.

0 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Deixe um comentário