Logomarcas de fábricas de carros têm significado: veja 10 delas

O AutoPapo listou os 10 símbolos mais curiosos do setor automotivo; você já conhece as histórias por trás deles?

Por Alexandre Carneiro 30/06/19 às 09h00

As logomarcas dos fabricantes contam boa parte das próprias histórias e, consequentemente, dos carros que elas produzem. Você pode até não saber, mas, muitas vezes, existem fatos curiosos por trás dos emblemas.

Em um listão carregado de cultura automotiva, o AutoPapo relacionou os 10 símbolos mais curiosos das marcas do setor. Venha com a gente e descubra que, nesses casos, as representações vão além do marketing!

1. Alfa Romeo

alfa romeo logomarcas carros

Eis um dos símbolos mais tradicionais da indústria automobilística. Adotado desde 1910, quando a Alfa Romeo foi criada, o emblema foi modificado ao longo dos anos, mas mantém todos os elementos principais. Mas o que a logomarca da fabricante italiana de carros significa?

Vamos por partes: a cruz vermelha sobre um fundo branco, do lado esquerdo, é o símbolo da cidade de Milão, sede da Alfa Romeo. Vale lembrar que, quando a marca foi criada, a Itália ainda não havia sido unificada.

À direita, vê-se uma serpente devorando um ser-humano. Trata-se do brasão da família Visconti, uma das mais importantes da história de Milão. Porém, sua origem vai muito além: remete às cruzadas medievais. O réptil seria uma referência bíblica adotada pelos cavaleiros milaneses.

2. Audi

auto union audi2
Logotipo da Auto Union (Audi | Divulgação)

Por que uma das logomarcas de carros mais famosas do mundo traz quatro argolas entrelaçadas? É a representação da união de quatro fabricantes alemãs de automóveis: Horch, Audi, Wanderer e DKW. Em 1932, durante a primeira grande crise mundial, elas formaram a Auto Union.

Apesar da associação, as quatro marcas permaneceram fabricando produtos próprios. Isso até a Segunda Guerra Mundial, que arrasou, em todos os sentidos, a Alemanha. Após o conflito, apenas a DKW (que tinha proposta mais popular) e Audi sobreviveram como marcas autônomas.

Porém, uma nova reviravolta veio em 1964, quando a Volkswagen adquiriu a maior parte das operações da Auto Union. Em 1969, outra marca, a NSU, passou a integrar o grupo. A recuperação econômica do país e a atuação comercial do grupo resultaram na manutenção apenas da Audi, que permanece utilizando as quatro argolas.

3. BMW

bmw logo

BMW significa Bayerische Motoren Werke, ou simplesmente Fábrica de Motores da Bavária. Atualmente, eles equipam automóveis e motocicletas, mas, no passado, já movimentaram aviões. E isso tem tudo a ver com as logomarcas da empresa alemã, que remetem à sua tradição aeronáutica.

O símbolo da marca nada mais é senão a estilização de uma hélice em movimento. O azul e o branco, que compõem a imagem, são as cores da região da Bavária.

4. Chevrolet

chevrolet logomarcas carros

Que o emblema da Chevrolet é uma gravata borboleta estilizada, todo mundo sabe. Mas de onde ele surgiu? A explicação é inusitada: ao contrário de outras logomarcas, a da fabricante norte-americana de carros não tem grandes simbolismos ou referências históricas.

Consta que William Durant, que fundou a marca com Louis Chevrolet, viu o símbolo no papel de parede de um quarto de hotel onde ficou hospedado em Paris.  Há, porém, outra versão: Catherine Durant, viúva do industrial, certa vez declarou que o marido havia visto o ícone em um jornal da Virgínia, quando eles passavam férias por lá.

Seja lá como for, William Durant simplesmente achou que o símbolo identificaria bem um fabricante de automóveis. A partir de 1913, a gravata borboleta estilizada foi adotada em todos os modelos Chevrolet.

5. Citroën

citroen logomarcas carros

Antes de fabricar automóveis, André Citroën, fundador da marca, já atuava como industrial. Suas empresas tiveram grande impulso quando ele desenvolveu um tipo de engrenagem bi-helicoidal. Foram justamente os “dentes” desse mecanismo, em formato “espinha de peixe”, que originaram o símbolo da empresa francesa, que acaba de completar 100 anos.

Há porém, outra versão para o símbolo, batizado de Double Chevron. A hipótese é que André Citroën quis homenagear o filho Marcel, morto em batalha durante a primeira guerra mundial. Quando perdeu a vida, o jovem ocupava o posto de cabo, cuja patente é representada por duas letras V invertidas. Independentemente da origem, trata-se de uma das logomarcas mais simples e originais entre os fabricantes de carros.

6. Ferrari

ferrari

O Cavallino Rampante, ou simplesmente cavalo empinado, em português, representa a Ferrari desde os primórdios. Inicialmente, ele foi utilizado por Francesco Barraca, um piloto da força aérea italiana. Admirador de equinos, ele foi um dos áses da Primeira Guerra, com grandes atuações em batalhas. Porém, infelizmente, acabou sendo abatido em 1918.

Enzo Ferrari, criador da marca, conheceu a condessa Paolina, mãe de Francesco, em 1923. Naquela época, ele ainda atuava como piloto da equipe Alfa Romeo. A matriarca apresentou o símbolo ao comendador e sugeriu que ele passasse a utilizá-lo, como sinal de sorte. Ali, nascia uma das logomarcas de carros mais icônicas de todos os tempos.

Desde então, Enzo Ferrari passou a utilizar o Cavallino Rampante em seu carro de corrida. Posteriormente, ele rompeu com a Alfa Romeo e passou construir os próprios automóveis esportivos. O símbolo, claro, passou a identificá-los.

7. Maserati

maserati logomarcas carros

Famosa pelos superesportivos, a Maserati é conhecida como “a marca do tridente”. Trata-se de uma referência a Netuno, deus grego da água. Mas também é uma homenagem a Bolonha, berço da empresa. Mas qual é a relação entre o ser mitológico e a cidade italiana?

Muito simples: um dos símbolos de Bolonha é uma fonte cujo destaque é uma escultura de Netuno. O deus grego, claro, está empunhando seu tridente. De ícone municipal, o instrumento tornou-se famoso também no meio automobilístico, graças às logomarcas da fabricante italiana de carros.

8. Mercedes-Benz

mercedes benz logomarcas carros

A Mercedes-Benz  não é a única fabricante de veículos representada por uma estrela. Além dela, Chrysler e Subaru também reverenciam os astros nas logomarcas de seus carros. O emblema da marca alemã, porém, é provavelmente o mais famoso. E também o mais lógico do ponto de vista simbólico.

A explicação está justamente no formato singular da estrela da Mercedes Benz, com três pontas. É que a empresa fabricava motores para automóveis, embarcações e aeronaves. Por isso, cada extremidade representa o domínio da marca alemã em três dos quatro elementos: terra, água e ar.

9. Porsche

porsche 911 26

Já reparou que o emblema da Porsche é formado por dois brasões sobrepostos? Pois note que, em primeiro plano, há um escudo com um cavalo preto. Abaixo dele, ha outro dístico, com listras horizontais.

O primeiro, no centro do emblema, é o símbolo de Stuttgart, onde fica a sede da empresa. Tal cidade está localizada no território de Württemberg, cujo estandarte está em segundo plano no símbolo da empresa.

O próprio Ferdinand Ferry Porsche teria escolhido essa representação, acrescentando seu sobrenome na parte superior. Entre as várias logomarcas dos fabricantes de carros, a da multinacional alemã está entre as menos modificadas ao longo da história.

10. Volvo

volvo logo

O círculo com uma seta superior é um símbolo conhecido: representa o gênero masculino. A origem remonta à mitologia, pois originalmente referia-se ao deus Marte. O gênero feminino, com uma cruz inferior, por sua vez, diz respeito à deusa Vênus. Porém, a Volvo já explicou que seu emblema nada tem a ver com sexualidade.

Segundo a marca sueca, coincidentemente, o mesmo símbolo retrata também o ferro. Trata-se de uma representação já antiga, atualmente pouco utilizada. De qualquer modo, é uma das logomarcas mais polêmicas entre os fabricantes de carros. A Volvo já foi, inclusive, alvo de protestos devido ao seu emblema.

Avalie o conteúdo:
PéssimoRuimRegularBomExcelente (39 votos, média: 4,82 de 5)
loadingLoading...
Clique na estrela para avaliar.
1 Comentário
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
  • Avatar
    se kyong baik 30 de junho de 2019

    Miséria,
    Fez reportagem na biblioteca ?…..queria ver as kia,jac,…marcas novas

Avatar
Deixe um comentário