Prêmios no Brazil Classics Renault Show: honrarias cobiçadas

Evento de antigomobilismo em Araxá (MG) teve como grande vencedor um Packard Roadster 1931; novidade é a estreia do Troféu Og Pozzoli

Por Alexandre Carneiro10/09/18 às 14h49

Um troféu para o proprietário e um distintivo para ser afixado na grade dianteira do carro (ou cuidadosamente guardado). Essas duas honrarias fazem parte dos prêmios distribuídos aos veículos participantes do Brazil Classics Renault Show em Araxá (MG), que terminou no último dia 9. São objetos sem valor material, mas capazes de despertar enorme orgulho nos ganhadores – e cobiça entre os que não os receberam.

Do total de 55 prêmios distribuídos aos cerca de 300 carros participantes, três são ainda mais especiais. Um deles é o Troféu Roberto Lee, popularmente conhecido como Best of Show, concedido ao melhor automóvel do evento. Neste ano, o vencedor foi um Packard Roadster 1931, de José Luiz Gandini. Trata-se de um modelo mais esportivo dentro da gama da fabricante norte-americana extinta na década de 1950, equipado com motor de oito cilindros em linha.

Packard Roadster 1931 ganhou o mais importante dos prêmios do Brazil Classics Renault Show
Packard Roadster 1931 foi eleito “best of show”

Há ainda o Troféu Lalic, que homenageia a determinação e o compromisso do antigomobilista com a preservação da história automotiva. O agraciado foi o colecionador Léo Steinbruch.

Novidade neste ano é o Troféu Og Pozzoli. Trata-se de um reconhecimento concedido, especificamente, aos chamados “sobreviventes”: automóveis em ótimo estado que nunca foram restaurados. O primeiro ganhador do prêmio foi um Cadillac Coupé 1927, de Aparecido Guadain. A comenda foi batizada com o nome de um dos precursores do antigomobilismo no país, morto em novembro de 2017. Pozzoli deixou um acervo com cerca de 180 veículos: alguns deles estiveram expostos em Araxá.

Prêmios são concedidos de acordo com critérios

O presidente do Instituto Cultural Veteran Car de Minas Gerais, Otávio Pinto de Carvalho, que organiza o Brazil Classics Renault Show, explica que vários critérios balizam a escolha dos vencedores. “São levadas em consideração raridade, importância histórica, qualidade da restauração e originalidade. Além disso, carros já premiados em eventos anteriores do Veteran não ganham novamente”, pondera.

A lista de vencedores é formada por modelos com diferentes características, produzidos em vários períodos. Alguns nacionais, inclusive, também foram premiados. Carvalho destaca que a ideia é justamente reconhecer a importância de diversos tipos de automóveis antigos. “Nós sempre escolhemos representantes de todas as décadas entre os participantes”, afirma o especialista.

Confira a galeria de fotos com alguns dos automóveis premiados

Fotos Alexandre Carneiro | AutoPapo

0 Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Deixe um comentário