Carro com GNV instalado precisa encurtar o prazo da troca do óleo?

"Usando o GNV como combustível, há necessidade de modificar o prazo ou a quilometragem da troca do óleo do motor? É preciso reduzí-la?"

Por Boris Feldman05/03/19 às 17h00

Quem tem um carro com GNV instalado costuma ter muitas dúvidas sobre gastos, manutenções, etc; E, a dúvida da vez é se o uso desse combustível altera o prazo para a troca do óleo do motor. Será que muda alguma coisa?

[TRANSCRIÇÃO]

Eu recebi uma pergunta de um taxista do Rio que diz usar como combustível o gás natural veicular, o GNV. Aliás eu aproveito para prestar minha homenagem a essa laboriosa e destemida classe dos taxistas que enfrentam dia e noite esse trânsito caótico das nossas ruas.

Mas, a pergunta dele é se usando o GNV como combustível, se há necessidade de modificar o prazo ou a quilometragem da troca do óleo do motor? Se é preciso reduzí-la?

E a resposta é negativa, pois o GNV até contribui com óleo do motor, já que os resíduos de sua combustão o contaminam muito menos. É porque ninguém ainda fez esses testes específicos. Mas quase que seria o caso de dizer: que com o uso do GNV poderia até se estender com o prazo ou a quilometragem dessa troca.

carro com gnv instalado
Avalie o conteúdo:
PéssimoRuimRegularBomExcelente (1 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...
Clique na estrela para avaliar.
Boris Feldman

Jornalista e engenheiro com 50 anos de rodagem na imprensa automotiva. Comandou equipes de jornais, televisão e apresenta o programa AutoPapo em emissoras de rádio em todo o país.

Boris Feldman
15 Comentários
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
  • Avatar
    reinaldo 13 de março de 2019

    O governo de forma artificial manteve o preço do GNV baixo e isso atraiu muitos para o GNV… Quando a massa de manobra estava bem gorda o governo aumentou o preço do GNV em 40%, inviabilizando o uso e tornando impraticave ficar procurando posto pra abastecer com GNV, sendo que vc não terá nenhum benefício, e ainda terá seu veículo desvalorizado, reduzida a eficiecia do motor e correrá riscos e danos prematuros em suspensão ( um cilindro de GNV pesa de 60 até 120 kilos vazio (21m3), o peso do cilindro abastecido é muito maior e danificará sua suspensão, sobrecarregará o cambio e freios) .. ou seja não há vantagem e o comnsumidor ainda corre o risco de sofrer outros achaques, com aumentos abusivos pela Comgaz de forma sucessiva e tempestivas. Fizeram o mesmo com o proalcool, não se arrisque..

  • Avatar
    reinaldo 13 de março de 2019

    O governo de forma artificial manteve o preço do GNV baixo e isso atraiu muitos para o GNV… Quando a massa de manobra estava bem gorda o governo aumentou o preço do GNV em 40%, inviabilizando o uso e tornando impraticave ficar procurando posto pra abastecer com GNV, sendo que vc não terá nenhum benefício, e ainda terá seu veículo desvalorizado, reduzida a eficiecia do motor e correrá riscos e danos prematuros em suspensão ( um cilindro de GNV pesa de 60 até 120 kilos vazio (21m3), o peso do cilindro abastecido é muito maior e danificará sua suspensão, sobrecarregará o cambio e freios) .. ou seja não há vantagem e o comnsumidor ainda corre o risco de sofrer outros achaques, com aumentos abusivos pela Comgaz de forma sucessiva e tempestivas.

  • Avatar
    Paulo Roberto 7 de março de 2019

    Acho arriscado postergar a troca de óleo, considerando que são muitas variáveis envolvidas nisso. Em uma análise de óleo de motor são analisádos diversos itens como:
    – viscosidade a 100ºC;
    – ponto de fulgor;
    – índice TBN;
    – elementos de desgaste do motor;
    – contaminação por poeira (silício).
    Assim, basta o óleo ser reprovado em algum dos itens acima e está condenado. Assim quem tem bom senso deveria fazer análise de óleo para trocar na hora correta com segurança. Afinal, uma troca de óleo é muito mais barata que uma retífica de motor.

  • Avatar
    Kayque 7 de março de 2019

    Olá tudo bem,me chamo kayque e sou motorista de aplicativo em fortaleza/CE, minha dúvida é que meu carro já está bem perto dos 100 mil KM, preciso mudar a viscosidade do óleo do motor?

  • Avatar
    Marco Aurélio 6 de março de 2019

    Concordo tenho um Vectra 1995 com GNV que instalei com 62000Km e estou com ele ainda e está com 315000km e continua com muito bom rendimento mas sempre troquei o óleo com 5000km e uso óleo 20w50

  • Avatar
    Romero Machado da Silva 6 de março de 2019

    Muitas peças tem que ser trocadas com menos tempo, velas, cabos de velas, filtro de ar, já foi bom, hoje pelos preços cobrados, não está mais valendo a pena, o lixo virou luxo, como em tudo no Brasil vira manobra de exploração do usuário.

  • Avatar
    Paulo 6 de março de 2019

    Bom dia , sou motorista de App e tenho um Logan 2017 1.6 16v sce que baixa óleo normalmente e percebi que depois de instalar gnv ele baixa ainda mais óleo de motor! É normal? Desde já agradeço a atenção!

    • Avatar
      Filipe 29 de junho de 2019

      Baixa mais mesmo. É normal todo carro baixar óleo. No caso dos à gasolina não parece que baixa pois a sua queima incompleta contamina o óleo. Ou seja, é óleo e gasolina misturados . No GNV isso não ocorre pois não há como misturar gás e óleo. Daí a percepção de estar baixando. O conjunto ignição/vela dos nossos carros não são eficientes. Outro efeito colateral da má queima é a carbonização do motor… Carros GNV precisam completar o óleo periodicamente e trocar na data certa.

  • Avatar
    Osvaldo Fernandes Dinhani 6 de março de 2019

    Gosto muito das dicas, também sou taxista em São Paulo, obrigada.

  • Avatar
    Paulo 6 de março de 2019

    Bom dia,sou taxista a anos com GNV desde quando comecei a usar GNV meu carro durou mais troque sempre na kmtragem certa o óleo parece limpo mais já perdeu a viscosidade, posso dizer que o motor dura mais livre de carbonização da gasolina etc… então GNV nota 10 o problema é que começou a subir o preço

  • Avatar
    José de Souza 6 de março de 2019

    E bom saber, e aproveito para pergunto cambio automático e necessário que troque o óleo , já que o manual diz que não há necessidade e sim completa quando há vazamento eu pergunto troca ou não? e quanto a

    • Avatar
      Antonio C Garavello 6 de março de 2019

      Meu amigo com certeza é preciso trocar óleo de transmissão automátisada mesma forma que o motor sofre desgastes o óleo vence também conforme o uso e manual do fabricante

    • Avatar
      Anderson José 6 de março de 2019

      Olá José de Souza alguns manuais não falam nada sobre a troca do óleo do câmbio automático mas na verdade este óleo não vitalício sendo assim se faz necessário a troca do mesmo no caso da Toyota eles recomendam a cada 40.000 km na minha opinião seria bom a troca no período de 40 mil a 50 mil km e ideal até mesmo câmbio manual deve ser trocado também,procure no YouTube vídeos de algumas oficinas mecânicas um canal bacana
      o TEOMAVE CÂMBIO AUTOMÁTICO que falam a respeito a importância da troca e junto os filtros tambem.

      • Avatar
        Kayque 7 de março de 2019

        O carro com 100 mil KM precisa mudar a viscosidade do óleo do motor?

  • Avatar
    COSMO SILVA DE LIMA 6 de março de 2019

    Obrigado pela dica, eu também sou taxista e tenho GNV no carro.

Avatar
Deixe um comentário