Chave presencial requer atenção ao trocar de motorista

Se o carro for desligado sem a chave presencial ter sido detectada, você poderá ficar a pé com o carro parado em local não muito seguro

Por BORIS FELDMAN23/10/18 às 23h30

Trocar de motorista sem deixar a chave presencial dentro do veículo pode te dar uma baita dor de cabeça. Fique atento ao passar o volante para outras mãos.

[TRANSCRIÇÃO]

Novas tecnologias ajudam o motorista, mas se ele não prestar atenção, pode atrapalhar a sua vida. Uma delas é a chave presencial: você não precisa mais usar a chave fisicamente girando-a no painel para ligar o carro. Basta o motorista apertar um botão no painel, ou no console, para ligar o motor. Desde que a chave esteja no bolso do paletó, na bolsa, ou em algum lugar no interior do carro.

E o problema pode acontecer na troca do motorista, sem se desligar o motor, que estava dirigindo com a chave no bolso, saiu do carro e entra outro. Muitos carros já fazem constar no painel o aviso: cuidado, chave não detectada. Isso significa que se o segundo motorista desligar o motor, não conseguirá ligá-lo de novo. Então, apareceu aviso do painel? Volte e busque a chave. Caso contrário, não tem jeito de ligar o motor novamente.

Chave presencial
Foto iStock

Boris Feldman

Jornalista e engenheiro com 50 anos de rodagem na imprensa automotiva. Comandou equipes de jornais, televisão e apresenta o programa AutoPapo em emissoras de rádio em todo o país.

Boris Feldman

0 Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se identificar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Deixe um comentário